Lua Azul - Os Imortais

12/02/2011

Sinopse

Ever é agora uma imortal. Iniciada nesse mundo desconhecido e sedutor por seu eterno amado, Damen, ela está empenhada em conhecer e dominar suas novas habilidades, mas algo terrível começa a acontecer. Acometido por uma doença misteriosa que ameaça, inclusive, sua memória, Damen não percebe que seus poderes se estão esvaindo - enquanto Ever se sente cada vez mais forte. 
Desesperada para salvá-lo, ela viaja até a dimensão mística de Summerland, onde não apenas toma conhecimento da misteriosa história de Damen, brutal e torturante, mas também tem acesso aos segredos que regem o Tempo. 
Com a lua azul que se aproxima, anunciando uma oportunidade única de se projetar para o passado ou para o futuro, Ever é forçada a decidir entre voltar no tempo e impedir o acidente que tirou a vida de toda a sua família ou ficar no presente e salvar Damen, que parece definhar a cada dia. 



Eu tentei e tentei escrever a resenha com o mínimo de spoilers possíveis.
Mas, tem uma coisas que preciso comentar, então assim, há Spoilers para quem não leu Para Sempre (como é continuação, é impossível não falar de uma ou outra coisa do livro anterior). Os spoilers maiores de Lua Azul eu vou colocar na letra branca, assim se você quiser ler (por sua conta e risco) terá que selecionar o texto). Aviso dado, vamos as minhas opiniões...


Ever agora é uma imortal e acredita que tem muito tempo pela frente. Isso faz com que ela não queira prestar muita atenção no que Damen tem para lhe ensinar e está mais preocupada em ficar de romance com seu "amor eterno", sua "alma gêmea". Acontece que mesmo querendo ficar no romance, Ever está muito preocupada com o ir em frente, o avançar na relação, o que dá para entender perfeitamente e faz todo o sentido, afinal ela só tem 17 anos.

Abro um espaço para um comentário bem pessoal:
Damen é mesmo um cavalheiro não pressionando e esperando Ever decidir a hora (e isso já soma 400 anos) ou é um machista de "posso esperar porque ela será só minha?" Fica a pergunta no ar... Porque mesmo que a romântica aqui acredite que ele é super cavalheiro, alguns de seus atos (principalmente do passado) me fazem pensar na segunda opção.

Voltando a história...
Quando finalmente as coisas parecem que vão passar para um outro nível (em outras palavras, depois de 400 anos de reencarnações Ever vai deixar de ser virgem) Damen some e quando retorna, parece ter perdido a memória. Sim, e eu fiquei com aquela cara de Como Assim??? a minha mente perva estava achando que a coisa iria realmente acontecer...rs
O decorrer da história e todo o motivo para essa perda de memória de Damen são bem traçados. Como a história acontece pelo ponto de vista de Ever, mesmo ela tendo certeza de quem é o culpado, eu não senti que a história é entregue de bandeja. E dá até para pensar em alguns momentos se é realmente isso ou se vai aparecer a qualquer momento outro personagem vilão.
É difícil descrever Roman sem muitos spoilers (ainda mais estando influenciada pelo desenrolar dos fatos) mas o que posso dizer é que ele se apresenta como o melhor personagem da história. Te conquista, te envolve, te seduz... E te dá uns belos tapas na cara.
Minha frase preferida dele é:

"Você é das difíceis, não? Mas sabe que isso só me deixa mais excitado, certo?" (Pág 230)

Em Lua Azul, conhecemos um pouco mais de Damen, e vemos que sua mortalidade acaba decepcionando um pouco e levantando dúvidas sobre o imortal doce e gentil que conhecemos entre o final de Para Sempre e o início deste livro. Gostei da variação da personagem, pois acho que a partir disso tem um mar de oportunidades em aberto para a história daqui para frente. E eu realmente não gosto muito quando o personagem não tem nada de mudanças, quando ele é como um quadrado fechado.

Já Ever...
Bem, ela me fez colocá-la no mesmo patamar da Zoey.
Enquanto a Zoey fica o tempo todo nas suas questões de ter mais de um namorado (pirigueti total), a Ever passa boa parte de Lua Azul achando que é melhor voltar ao passado, salvar a familia porque o destino deles acabou por culpa dela. E chega a ficar chato o tanto que ela repete que todos estariam melhor sem ela, e mesmo Damen tendo passado 400 anos em busca dela, indo atrás de cada reencarnação e a reconquistando todas as vezes (já que ela não se lembra de suas outras vidas), a insegurança faz com que acredite que Damen vai estar melhor com ela voltando antes do acidente que a deixou imortal.
E eu pergunto, da onde????
Sério...
A Ever consegue ser mais insegura do que eu.  E confesso que não esperava por isso. Mesmo ela falando uns, o que 15 capítulos que iria fazer o que fez, eu ainda acreditava que no último minuto ela iria desistir...


Inseguranças a parte e destinos que podem e não podem ser alterados, adorei o jeito que a Alyson conduz a decisão de Ever e todo o desenrolar da história após essa decisão. A melhor frase do livro é de Riley, no carro com Ever e eu fico me perguntando como uma menina de 12 anos pode ser mais madura que uma de 17...

Mesmo com Roman aprontando tudo o livro inteiro, como pode a Ever confiar nele e "estragar" o antídoto? Tá certo que precisava de um drama para o próximo volume, mas sinceramente, eu quase desisti de ler o final... Fala sério!!!! Eu preferiria confiar em um completo estranho do que em alguém que eu SEI que estava o tempo todo planejando o mau.
Nesse ponto, penso que a autora errou feio, pois deixou a Ever com uma tatuagem de BURRA bem grande na testa. Acabou ficando um mais do mesmo, uma sensação de "400 anos confiando na Drina sem aprender nada" e mesmo assim confiando no Roman que fez com que eu ficasse com um grande sentimento de "esperava mais".


Lua Azul não foi tão rápida de ler pois como já disse me incomodei com a Ever em alguns momentos. O que não me impediu de gostar do livro. Além do mais, ele conseguiu me empolgar para ler Terra das Sombras e me deixar na expectativa e esperança de que dessa vez a Ever vai aprender.




Romântica incurável com um toque de Drama Queen. Sonhadora, teimosa e viciada em livros, afinal, se você não pode cair no mundo, viva através dos personagens! Criadora do blog Amores e Livros, ainda acredita que um dia será paga para ler! Facebook / Twitter / Instagram

Que tal conferir também...

7 comentários

  1. Estou adorando Lua azul, acho que hoje acabo! Estou louca para ler Terra de Sombras!!! ; D

    Ah Lica, vi no blog das envenenadas que você tem tatuagem, eu queroo ver, sou apaixonada por tatoo!!!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Ainda não tive a oportunidade de ler esse livro mas espero ler em breve :)

    @MyrtesCharlotte

    ResponderExcluir
  3. Amoo este Best Seller..! Terminei "Terra de Sombras" e não vejo a hora de começar "Chama Negra"..!!

    ResponderExcluir
  4. Hahahahahaha Gostei das comparações com Zoey... E fiquei com vontade de começar logo a ler a série! Tenho todos e tipo não vou precisar ficar esperando o lançamento né?? E quanta reviravolta meu Deus... Quanta...

    ResponderExcluir
  5. ainda nao li a serie, mas quero ler, comecei a udar de opniao de acordo com que ja li.
    gostei da capa, chama atençao de quem quer le.
    Up!
    so nao quero que seja tao House of night. Z era muito vadia rsrsrs

    ResponderExcluir
  6. Meu livro favorito da série...
    Embora a Ever tenha ficado muito retardatária nesse volume :P

    Matheus
    Blog Livros e Biscoito

    ResponderExcluir
  7. A capa é mtu linda!!
    A Ever acabou com a minha paciencia AUHHAUAHUAHUHUA
    Mas fazer o que...xD

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras