Te Amo Te Odeio Sinto sua falta – Opiniões

27/01/2012

Te-amo-te-odeio-sinto-sua-falta[3]_thumb[2]

Sinopse

“Já se passaram 75 dias. Amy está cansada do interesse súbito que seus pais tomaram nela. E ela está realmente cansada das pessoas perguntando por Julia. Julia se foi, e ela não quer falar sobre isso. Eles não entenderiam, de qualquer maneira. Eles não entenderiam como é ter sua melhor amiga arrancada de você. Eles não entenderiam como é saber que foi sua culpa. O terapeuta de Amy acha que ajudaria se ela escrevesse um diário. Ao invés disso, Amy começa a escrever cartas para Julia. Mas à medida que escreve as cartas, ela começa a perceber que o passado não foi tão perfeito como ela pensava - e que o presente merece uma chance também. "

 

Quando decidi comprar o livro e junto com a Nathy criamos o Book Tour eu não sabia mais do que a sinopse do mesmo. A Nathy era a mais empolgada com o livro, a que mais queria ler e vocês podem ler a resenha dela aqui.

Não é que eu não queria ler o livro… Não é que eu não queria saber onde estava entrando… Eu simplesmente achei que seria melhor descobrir sozinha, e como o livro era meu, eu seria a última a ler em nosso 5 blogs e 1 livro viajante. Por esse motivo não li as resenhas das meninas e tentei fugir de todos os spoilers possíveis. Resultado? Acho que fui a única que não foi com a cara da Amy e que não conseguiu criar nenhum tipo de empatia pela narradora do livro.

Sabe quando você tem que ler um livro que você não consegue entender de nenhuma forma a narradora? E não é por não ter passado por coisas parecidas e nem por nunca ter perdido alguém tão próximo. Tentei ver todos os lados… Tentei ser paciente e compreender o porque da Amy ser tão irritante e tão sem sal ao mesmo tempo… Tentei ter a cada página a ideia de que a garota perdeu sua melhor amiga de uma forma horrível e que nunca mais iria ter a pessoa que mais amava ao seu lado… Juro que tentei… Mas não deu!!!! E agora estou aqui, tentando buscar o lado bom para que minha resenha não fique tão gritantemente diferente da resenha das meninas…

Te amo Te odeio Sinto sua falta conta a história de Amy, uma menina de 16 anos que se acha alta demais, com os cabelos vermelhos demais, deslocada demais… Uma garota insegura demais. E por ser insegura demais, acabava fazendo coisas somente para não se sentir tão deslocada e diferente assim. Quem nunca passou por isso, conhece algumas pessoas assim. E isso talvez seria motivo suficiente para entender a “pobre Amy”. E é ai que eu acho que Elizabeth Scott se perdeu um pouco, pois o começo do livro só me fez sentir pena da Amy. Uma pena que a cada parágrafo se transformava em raiva. Amy estava triste? Sim… Muito… Mas e as pessoas ao seu redor? Elas não tem problemas? Ninguém tem problemas além de Amy? E foram essas questões que me fizeram não gostar de Amy.

E ao conhecer um pouco mais de Julia, a amiga que Amy perde, não consegui entender o que essa menina que sempre dizia e fazia o que queria tinha de tão especial. Afinal, foi por sempre fazer o que queria, por nunca medir as consequências de seus atos que ela acabou parando onde parou. Não digo que ela seja a única culpada e nem que ela merecia morrer. Mas a gente colhe somente o que a gente planta. E não precisamos deixar de fazer as coisas que a gente quer se analisarmos antes as possíveis consequências e se preparar melhor para as coisas. Isso se chama responsabilidade. Coisa que no meu ponto de vista, Julia não tinha.

Apesar de todas as minhas palavras acima, apesar de não ir com a cara da Amy e muito menos gostar de Julia, o livro não é um livro ruim. Não gostei das meninas, mas a história nos leva a refletir, a pensar em várias coisas de nosso dia a dia. O livro nos dá motivos para continuar com as coisas que fazemos diferente por ser o mais correto a se fazer e nos faz pensar se não iremos acabar na mesma situação com as coisas erradas que por ventura fazemos igual.

É um livro que fala de amizade, que fala em como nossas amizades nos definem na época da escola. Me fez pensar que as vezes temos que tomar as rédeas da nossa vida senão seremos sempre a esquisita do colégio ou a garota que está rodeada de gente mas não tem amigos. Mas não é só isso. O livro fala sobre família, sobre a vida e a morte e em como elas caminham lado a lado, sobre medos e inseguranças, sobre escolhas e todas as consequências que elas nos trazem.

Elizabeth Scott conseguiu me fazer detestar sua narradora, não gostar da coadjuvante inexistente (Julia) e ter inúmeros motivos para desistir do livro. Ao mesmo tempo, me fez refletir sobre várias coisas simples que durante nossos dias nem damos muita importância mas que são as coisas que definem como será nosso amanhã e o que teremos que enfrentar. Não consigo dizer que amei o livro e nem que ele entrou para minha lista de favoritos. Mas também não consigo dizer que odiei o livro e nem que não o recomendo para ninguém.

Te amo Te odeio Sinto sua falta é um livro que você tem que ler para ter suas conclusões, para decidir sozinho se é um livro que te agrada ou não.

ficha te amo te odeio sinto sua falta

Lica

Romântica incurável com um toque de Drama Queen. Sonhadora, teimosa e viciada em livros, afinal, se você não pode cair no mundo, viva através dos personagens! Criadora do blog Amores e Livros, ainda acredita que um dia será paga para ler! Facebook / Twitter / Instagram

Que tal conferir também...

4 comentários

  1. Adorei sua resenha!!! Me senti igual a você em diversas partes do livro... Também não fui muito com a cara das meninas, por não ser como elas e sempre abominar pessoas assim, que desperdiçam o que tem! Porém pude refletir bastante e cheguei a conclusão que o que eu mais quer é criar Stefan de uma forma que ele não seja uma Júlia ou uma Amy... Mas com a conclusão que por mais que eu faça correto e me esforce isso não será garantia de nada.

    ResponderExcluir
  2. Que máximo sua resenha! Tenho curiosidade em ler o livro... será que eu tamb odiaria a narradora???

    Beijões

    ResponderExcluir
  3. Bem, li o livro e adorei, li também "Menina Morta-Viva", da mesma autora. É intenso. Quero outros livros, parece-me que outra editora também irá lançar livros da Scott, vou sempre atrás, virei fã, gostei muito da forma como ela escreve, as histórias são sempre num clima pesado. =)

    ResponderExcluir
  4. Nossa... A história deve ser muito boa para você ter odiado a narradora e mesmo assim não ter desistido do livro. Gostei disso na sua resenha e fiquei com muita vontade de ler o livro. Parabéns pela resenha!!!!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras