Magia ou Loucura.

18/09/2012


  Por 15 anos Razão viveu no interior da Austrália  com sua mãe, Sarafina. Desde quando ela consegue se lembrar, as duas vivem fugindo da avó, Esmeralda - uma bruxa que pratica terrí­veis rituais de magia negra. Mas depois que Sarafina enlouquece, Razão é mandada para o lugar que mais teme: a casa da avó, em Sidney. Mas o lugar não se parece em nada com o que Sarafina descreveu, e Esmeralda não aparenta ser maléfica. Pela primeira vez, Razão se vê questionando os ensinamentos de sua mãe... Mas espere aí­! Mesmo sem ter visto sinais de fumaça e espelhos espalhados pela casa - altamente perigosos, segundo Sarafina - a avó guarda dentes de pessoas escondidos e tem uma chave misteriosa na gaveta. Ela não pode ser boa, pode?Enquanto estuda a planta da casa para fugir, Razão atravessa uma porta na casa de Esmeralda em Sidney e aparece em Nova York. Ela precisa admitir a única verdade: a magia é real. Mas não é só isso: acontece que Razão também é bruxa. Agora há muitas perguntas a responder e a maior delas é quem ela é. Ao lado de amigos inesperados, Razão vai viver mais que uma emocionante aventura: terá de enfrentar seus maiores medos e, principalmente, descobrir o preço a pagar pela magia que corre em seu sangue.


 Aviso!!!
A resenha contém spoilers!!!!



Magia ou loucura. Confesso que num primeiro momento, fiquei receoso com relação à história e estava esperando mais um daqueles livros nos mesmos padrões, “fulana tem dezessete anos e tudo que queria era uma vida normal” mas, a história é totalmente diferente. “não julgue um livro pela capa” é oque dizem, não é?! Resolvi lê-lo então Fui arrebatado por Magia ou Loucura de tal forma que não conseguia parar de ler.
Com uma narrativa diferente do que estamos acostumados, a autora nos apresenta a protagonista, Razão Cansino que conta a história. Alternando capítulos onde Razão narra os fatos, com capítulos em terceira pessoa apresentando oque acontece com os demais personagens da trama, somos conduzidos a um universo diferente desse tema sobrenatural, de magia. A magia existe. O mais delicioso nesse livro é que não temos certeza sobre as verdades que permeiam a vida de Razão, pois ela fala do que ela acredita e conhece, mas tudo vai mostrando-se diferente e a autora planta a dúvida na cabeça do leitor, fazendo-o questionar tudo que é apresentado, como por exemplo, o caráter das personagens. Esmeralda a avó, seria mesmo uma mulher malvada com diz Sarafina, mãe de Razão? Ela acreditaria mesmo em magia? E o que seria a chave encontrada por Razão? Que consequências existem na opção de usar magia?
Se você opta pela Magia, sua vida será mais curta. Se optar por não usar, você enlouquece. Faca de dois cumes, não é?! Existem duas possibilidades caso você opte por utilizar a magia, sem ter sua vida encurtada, uma delas é racionar a magia e a outra... Não vale a pena comentar, é melhor descobrir por você mesmo!
Dentro desse universo, a autora Justine Larbalestier  faz com que diversos enigmas surjam em nossa cabeça, como por exemplo a loucura da mãe de Razão não ser atípica, porque Razão é tão boa em matemática, mais precisamente nos Fibonacci... Razão viverá uma emocionante e intensa aventura, enfrentando medos e descobrindo o preço alto que há por traz da magia que está em seu sangue!



Ansiando por um sopro de vida, por algo que realmente me complete, me livro de superficialidades que por hora me mantem... Ao tirar a máscara me percebo como sou... puro, simples... 'Pequeno'

Que tal conferir também...

11 comentários

  1. Oi, nunca tinha ouvido falar desse livro, mas agora fiquei interessada :) beeeijo!

    Letícia - Céu de Letras

    ResponderExcluir
  2. Nunca ouvi falar desse livro, mas me pareceu interessante, principalmente pelo fato da personagem principal ser chamada de Razão.
    Boa discotomia, não?

    ResponderExcluir
  3. Nossa,que livro interessante. Livros que falam de magia me atraem e naturalmente já estou atraída.

    soniacarmo
    retalhonomundo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. A capa é até simpática com essa corujinha. =)
    Mas que nome horrível para uma personagem... hahaha...
    Uma família que tem magia e tem que consumir moderadamente... é até bem legal se pensar um pouco. Vai mundo da pessoa no caso... pelo que vc conta dá a entender que a mãe da Razão foi um tanto gananciosa no uso da magia e a avó comedida. Ao menos ela tem exemplo dos dois casos e pode decidir mais claramente.

    ResponderExcluir
  5. Eu já tinha ouvido falar do livro mas nunca me interessei muito principalmente pela capa que é bem triste né! Mas quem sabe? ^^
    Adorei a resenha...

    ResponderExcluir
  6. Valeu pelos comentários! O livro é fantástico mesmo. Super recomendo!

    ResponderExcluir
  7. Comprei essa trilogia mas ainda não tive oportunidade de ler. Gostei muito da sinopse e resenha e acho que a leitura vai ser uma boa surpresa.

    Monique Martins
    @moniquemar

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia o livro mas fiquei interessada, parece bom. Gosto de histórias diferentes.
    @mcrisaragao

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia o livro. Razão é um nome bem estranho. Adorei a historia, pois envolve o mundo da magia que é fascinante.
    @luci_eleoteria

    ResponderExcluir
  10. Eu não conhecia essa série não, mas parece que vale super a pena ler. Legal ver indicações e resenhas que não sejam somente de lançamentos que a gente vê em muitos outros blogs.
    E o mais legal é esse lance de que nem sempre o que lemos é a realidade da história. Gostei!

    ResponderExcluir
  11. Oi..

    Quase fiz a mesma coisa que você pois já está julgando o livro pela a sua capa horrorosa.. Mas, ele é muito bom...

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras