Anna e o Beijo Francês – Opiniões

03/09/2011

Contra-Capa

"Isto é tudo o que sei sobre a França: Madeline, Amélie e Moulin Rouge. A Torre Eiffel e o Arco do Triunfo também, embora eu não saiba qual a verdadeira função de nenhum dos dois. Napoleão, Maria Antonieta e vários reis chamados Louis. Também não estou certa do que eles fizeram, mas acho que tem alguma coisa a ver com a Revolução Francesa, que tem algo a ver com o Dia da Bastilha. O museu de arte chama-se Louvre, tem o formato de uma pirâmide, e a Mona Lisa vive lá junto com a estátua da mulher sem braços. E tem cafés e bistrôs - ou qualquer nome que eles dão a estes - em cada esquina... Não é que eu seja ingrata, quero dizer, é Paris. A Cidade Luz! A cidade mais romântica do mundo."anna-e-o-beijo-frances-capa-209x300

Anna Oliphant não está nada entusiasmada com a ideia de se mudar para Paris, já que seu pai, um famoso escritor norte-americano, decidiu enviá-la para um colégio interno na Cidade Luz. Anna prefere ficar em Atlanta, onde tem um bom emprego, uma melhor amiga fiel e um namoro prestes a acontecer. Mas, ao chegar a Paris, Anna conhece Étienne St. Clair, um rapaz inteligente, charmoso e bonito. Só que Éttienne, além de tudo, tem uma namorada... Anna e Éttienne se aproximam e as coisas ficam mais complicadas. Será que um ano inteiro de desencontros em Paris terminará com o esperado beijo francês? Ou certas coisas simplesmente não estão destinadas a acontecer?
Stephanie Perkins escreveu um romance de estreia divertido, com personagens espirituosos que garantem dedos formigando e corações derretendo.

Eu já disse isso aqui uma vez (ou mais) em outra resenha…. Mas eu acredito que a resenha desse livro será a mais difícil de fazer e de compartilhar com vocês. Tanto isso é verdade que faz umas duas semanas que terminei o livro e só agora a resenha está indo para o ar…

Porque? Bem, eu já dei uma de Anna e já me apaixonei por meu melhor amigo. E eu que sempre quis um amor de livro para mim, agora fico pensando se terei o mesmo destino de Anna (e eu sabia desde que comecei a ler o livro que o final dela seria diferente do meu), ou então se ao menos terei a sorte de conhecerei Paris =) Então, tudo o que peço é desculpas se não conseguir falar tão bem quanto o livro merece.

No inicio, Anna parece exagerada demais. Parece que tudo esta acontecendo para prejudicar ela e que a vida dela vai ser horrível daqui para frente pois seu pai resolveu mandá-la para uma escola em Paris.

Não, eu nunca fui para Paris. E não, eu não tenho um pai que escreve histórias iguais as do Nicholas Sparks. Meus pais não se divorciaram e eu muito menos fui obrigada a ir estudar em um internato. Mas mesmo assim, muitas coisas da história se encaixam com a minha vida e com o meu eterno estado de “boba apaixonada”. E isso me fez passar o livro inteiro com um sorriso nos lábios.

“(…) ele devolve meu horário e sorri. – Você estará lendo o cardápio do café da manhã sem minha ajuda antes mesmo que perceba.

Humm, talvez eu não queira aprender francês. Argh! Meninos fazem com que meninas fiquem tão estúpidas.” (pág. 28)

Muitos momentos eu via Anna sendo tão boba e tão burra, fazendo aquelas coisas que as garotas apaixonadas fazem… Ficar suspirando pelos cantos, ou então metendo os pés pelas mãos por ciúmes de algo que não é exclusivamente dela. E depois, como não pensar naquela velha dúvida que parece ficar gritando na cabeça “se você diz que gosta dele perderá também a amizade”. Adorei o jeito como Stephanie apresenta os momentos de dúvida de Anna, os vai e vens de amor/amizade, e os vários momentos onde é Étienne e onde é St. Clair…

“Seus olhos se arregalam com o barulho e eu fico alarmada ao notar quão castanhos eles são. Como se ele precisasse de mais alguma arma contra a espécie feminina.” (pág. 20)

Embora sejam enormes as diferenças entre eles, eu posso dizer que tenho um St. Clair em minha vida…Um cara lindo (mesmo que possa ser só no meu olhar, mas eu duvido que seja isso), inteligente, com uma conversa legal e que me deixa suspirando pelos cantos.  E foi impossível não me apaixonar por St. Clair. Principalmente por um detalhe básico, e muito importante, Stephanie Perkins não faz o mocinho da história ser perfeito. Quer dizer, ele é perfeito, mas não daquele jeito que a maioria dos mocinhos é. St. Clair tem defeitos e estes aparecem na história (tá certo que um pouco exagerados talvez por serem coisas que incomodam a narradora).

Uma das partes mais lindas do livro, e mais romântica também é quando Anna descobre o significado da palavra casa. Se bem que eu acho que o mais correto seria usar palavra “lar”. Desde que, a um tempo atrás, ouvi uma certa música, ficou em mim o mesmo significado. A pergunta é, seria possível o seu lar não ser um lugar e sim uma pessoa??? A música Home (Edward Sharpe And The Magnetic Zeros) diz “Let me go home. Home is wherever I’m with you” (Deixe me ir para casa. Casa é qualquer lugar que eu esteja com você), eu acredito que seja isso mesmo e Anna descobre isso também.

“Sinto falta de Paris, mas lá não é minha casa. (…) É possível que lar seja uma pessoa e não um lugar? (…) Talvez St. Clair seja meu novo lar. (…) Eu nunca poderei dizer isso a ele, mas é verdade. Isso é estar em casa.” (pág. 195)

É impossível para mim, falar mais do livro sem spoilers. Talvez tenha até escapado alguns, mas não foi por mau… O livro é leve, divertido e completamente encantador. É aquele tipo de livro doce, que te envolve e te faz lembrar da beleza e das trapalhadas do romantismo. Meu exemplar terminou com muitas marcações, mas não vou colocar todas aqui, mas deixo algumas citações.

Citações

“Como posso ter sido tão estúpida? Como posso ter acreditado, por um momento, que não estava apaixonada por ele?” (pág. 198)

 

“Quer dizer, quem precisa do Christopher quando Étienne St. Clair existe no mundo? (…) O que posso fazer? Estou apaixonada pelo meu melhor amigo.” (pág. 202)

 

“Na escuridão, pego uma de suas mãos no meu colo e a aperto. Ele aperta de volta. Suas unhas estão roídas, mas adoro suas mãos. Elas são do tamanho certo.” (pág. 238)

 

“Se me pedir para te beijar, eu te beijo – ele diz. Os dedos dele apertam a parte do meu pulso e arrebento em chamas.” (pág. 241-242)

 

E a última frase do livro…. Que eu não vou colocar aqui para não estragar a graça e a magia que ela tem. =)

ficha anna e o beijo

Eu gostei tanto do livro, e quero tanto dividir esta história com vocês, que mesmo hoje sendo sábado, e não sendo dia oficial de resenha aqui no blog, postei ela para junto deixar dois recados…

Primeiro, na gincana Sael.FoLi.a ele é o brinde da primeira prova. Não só o livro, mas o kit completo que a Novo Conceito montou. Não perde tempo que está muito fácil garantir ele para você. Basta ir neste post aqui, preencher o formulário e dar RT na frase. O sorteio será feito pela tag… Corre que é até hoje (03/09), o resultado sai amanhã.

Outra noticia… Esta resenha é premiada!!!!!

Sim, todos os comentários feitos nela estarão concorrendo a um exemplar do livro. Dessa vez é só o livro mesmo pessoal. Ah, mas tem que comentar sobre a resenha e não só “participando”… O resultado sai no próximo sábado, dia10. (precisa dizer que o vencedor tem que ser seguidor do blog???)

Lica

Romântica incurável com um toque de Drama Queen. Sonhadora, teimosa e viciada em livros, afinal, se você não pode cair no mundo, viva através dos personagens! Criadora do blog Amores e Livros, ainda acredita que um dia será paga para ler! Facebook / Twitter / Instagram

Que tal conferir também...

15 comentários

  1. Estou pensando seriamente em desligar o computador ... a tv, lagar minha leitura do momento e pegar meu Anna e o beijos Francês para ler ... quero descobrir as maravilhas de Paris pelos olhos da Anna. Culpa da Cinthi e sua dona Aline Vargas ^^

    ResponderExcluir
  2. Ah eu quero muuuito ler esse livro, ouvi ótimas coisas sobre ele e sua resenha acabou de me convencer totalmente! (aliás, ótima resenha)

    torcendo (yn)

    ;*

    ResponderExcluir
  3. ola nus amei a resenha por que como você muitos são eternos apaixonados e não acho difícil muitos se identificarem com o livro, eu adoro um bom romance tem tempo que quero ler esse livro ma falta grana né, por que são tantos que quero que fica difícil, mas tenho certeza que vou amar esse livro. bjs

    ResponderExcluir
  4. É um livro gostoso e leve, bom para ler no final de semana (aqueles estilo sessão da tarde).
    Pelo menos foi o que fiz, comecei meio sem querer e devorei o livro. É fofo demais e as descrições da cidade são lindas. E claro, quero um St. Clair para mim!
    Bjkas!

    Monique Martins
    MoniqueMar
    @moniquemar

    ResponderExcluir
  5. Oii,

    Eu li Anna e o Beijo Francês e amei o livro é muuito legal !!!
    e o St. Clair é um sonho neeh!? uashasuhsauh'

    Bjoos, Patty
    Cartas para ficção

    ResponderExcluir
  6. Ai...a cada dia que passa fico com mais vontade de ler esse livro...
    São tantos comentários bons sobre ele...e vc só fez a situação piorar...rsrsrs
    Realmente parece ser uma linda história, onde de uma maneira ou de outra nós acabamos nos identificando...
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. estou participando, nao so por que a resenh é premiada mas por que eu adorei, quero tanto este livro e as frases (foi muita maldade por que me fizeram desejar mais ler) adorei e quero ana e o beijo frances na minha casa! rsrsrs coraçao na mao para ler! so vcs mesmo para me fazerem desejat tanto um livro com uma resenha ♥

    ResponderExcluir
  8. To com muita vontade de ler esse livro. Só ouço falar bem, a capa conquista, a sinopse, as frases, tudo faz aguçar a minha vontade! HAHAH.

    ResponderExcluir
  9. Lendo a sua resenha, Anna e o Beijo Francês me pareceu um desses livros pra relaxar e se divertir com uma estória romântica bem fofa. Mais uma vez, uma ótima dica de leitura.

    Tomara que eu ganhe... louca pra ler!

    @BobbyDupeaGirl

    ResponderExcluir
  10. Gente, eu li esse livro indicado por uma amiga e sinceramente? O devorei numa sexta-feria a tarde, quando não tive aula na faculdade... E sinceramente?! Sofri uma crise de abstinência quando acabei, pois queria carregar a companhia de Anna e Étienne St. Clair para semmmmpre! rs...
    Amei gente, quer ler não vai se arrepender!

    ResponderExcluir
  11. Primeiro a Ci... Depois a Laira... E Agora a Lica me fizeram ficar com vontade de ler esse livro! hahahaha

    ResponderExcluir
  12. Sempre gostei da França! Paris, ah, Paris... Ainda mais assim... em um romance... Perfeito por demais!

    ResponderExcluir
  13. A cada resenha que eu leio eu fico mais com vontade de ler esse livro *-*
    sério, parece seeer muito fofo a historia, toda vez que eu vo numa livraria aqui perto de casa eu fico tentada a comprar ele mais tem tantos na minha listinha de desejados :/
    espero poder ler ele logo *-*
    adorei a resenha!
    beijooos
    @Amandagoncalvez

    ResponderExcluir
  14. Ah esse livro parece ser muito lindo *-*
    quero ler, na minha listinha já (:

    ;*

    ResponderExcluir
  15. Sou doida para ler esse livro!!!!!
    Ganhei ele em uma promoção, mas como os correios estam de greve vai demorar um pouquinho para chegar..sou louca por ele desde quando foi lançado!!!!!

    bjus

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras