Simplesmente Ana – Marina Carvalho

11/02/2014

Simplesmente AnaImagine que você descobre que seu pai é um rei. Isso mesmo, um rei de verdade em um país no sudeste da Europa. E o rei quer levá-la com ele para assumir seu verdadeiro lugar de herdeira e futura rainha… Foi o que aconteceu com Ana. Pega de surpresa pela informação de sua origem real, Ana agora vai ter que decidir entre ficar no Brasil ou mudar-se para Krósvia e viver em um país distante tendo como companhia somente o pai, os criados e o insuportável Alex. Mudar-se para Krósvia pode ser tentador — deve ser ótimo viver em um lugar como aquele e, quem sabe, vir a tornar-se rainha —, mas ela sabe que não pode contar com o pai o tempo todo, afinal ele é um rei bastante ocupado. E sabe também que Alex, o rapaz que é praticamente seu tutor em Krósvia, não fará nenhuma gentileza para que ela se sinta melhor naquele país estrangeiro. A não ser… A não ser que Alex não seja esta pessoa tão irascível e que príncipes encantados existam. Simplesmente Ana é assim: um livro divertido, capaz de nos fazer sonhar, mas que — ao mesmo tempo — nos lembra das provas que temos que passar para chegar à vida adulta.

Simplesmente Ana conta a história de Ana, que com 20 anos não conhecia seu pai. Sua mãe contou o motivo disto, mas nem tudo que ela disse era realmente verdade... Ao ver Olivia (mãe de Ana) na televisão, Andrej a reconhece. Ao saber que ela tem uma filha liga um ponto ao outro e se descobre pai. E é ai que a história começa, pois o pai de Ana é nada mais nada menos que o rei da Krósvia, sendo assim Ana uma princesa.

Em sua ida a Krósvia, Ana se depara com Alex que a primeira vista não é uma pessoa que gosta dela, ao contrário de todas as outras no castelo. Porém isso aos poucos vai mudando entre eles, começando com passeios para que Ana conheça melhor seu novo lar!

“Um sonho bobo, sem significado. Não era uma mensagem, um sinal ou coisa assim. Bom era isso que eu achava. Até hoje.” (pág. 6)

Ana tem um mesmo sonho, não é sempre que ela tem este sonho, mas o tem com frequência. Ela não sabe o que significa, mas ao longo da história ela vai desvendando este mistério...

“Consegui observá-lo um pouco mais e conclui que, mesmo bonito, ele era dominado por seu mau temperamento. Queria muito saber se ele agia assim sempre, com todo mundo, mas não tive coragem de perguntar nem para Andrej ou Irina.” (pág. 38)

De quem será que nossa Ana está falando? Bom, vocês já devem imaginar que é do Alex... Primeiramente eles não se dão bem, pois Ana acredita estar apaixonada por Artur – um rapaz da cidade dela no Brasil – e não quer nem pensar em outros rapazes (nem como amigos) devido a um acordo que fez com Artur antes de viajar.

“Mas aquele contato inesperado mexeu com meus nervos, ah, mexeu. Afinal, sou mulher, sou humana e tenho hormônios. Ninguém em meu lugar ficaria indiferente àquele modelo de testosterona, tão másculo, tão charmoso e lindo. Ele podia ser o cara mais irritante do mundo, mas ainda assim sabia ser gostoso.” (pág. 65)

Sem comentários sobre esse pensamento!!

“ –Aposto que é a Laika.
Hein?
-Quem é a Laika? A cadelinha dele? – Não consegui deixar de ser irônica.
Sem perceber o tom, Karenina riu.
-Não, Ana. É a namorada do Alex. “ (pág. 77)

Laika? Nome de cachorro, com certeza. Quando eu li essa parte do livro, eu ri muito e as pessoas ao meu redor com toda certeza me acharam maluca! Adorei esse pensamento da Ana!!

“Aquele homem existia, gente? Ele era de verdade? Porque não parecia. Agora mais essa. Ir para casa dele. Ficar com ele na casa... dele. Ouvir Bon Jovi gritar Always da casa dele. Céus, vocês estão me enviando um sinal? Era o que parecia.” (pág. 202)

Eu queria estar no lugar dela, por alguns motivos. Quanta sorte da Ana, ou não... O capitulo que vem depois desse trecho é surpreendente! Eu amei e ao mesmo tempo fiquei braba, e o que acontece depois então...

“-O que tem embaixo dessa manta?- quis saber, os olhos carregados de segundas intenções.
- Simplesmente Ana.” (pág. 246)

O desfecho é inimaginável, lendo o final do livro tive mais uma surpresa! Mas, não vou fazer nenhum comentário, se não perde a graça.

Simplesmente Ana é simplesmente maravilhoso, eu amei o livro! Particularmente gosto de romances e este foi um que foi para o topo da minha lista de favoritos. Tem um toque de fantasia, de contos de fada e foi o que eu mais gostei.

Ana me cativou com sua teimosia, por ser determinada em alguns momentos e tão indecisa em outros. Alex, o que falar do Alex? Lindo, charmoso, atencioso (depois de alguns capítulos), cheio de marra e seguro de si, me fez ficar apaixonada, encantada e com raiva em alguns momentos.

Chorei em alguns capítulos do livro, ri em muitos outros. Fiquei decepcionada junto com a Ana, animada, esperançosa e imensamente feliz! Senti cada emoção que a personagem principal sentiu, e isso foi o que me deixou mais próxima dela, enquanto lia me imaginava sendo a própria Ana, pois este livro me permitiu esta conexão.

Normalmente eu não leio muitos livros brasileiros, mas este me surpreendeu. O livro me prendeu a atenção do começo ao fim. Para quem gosta desse tipo de romance esse é um dos que eu recomendo!!lalyn

Romântica incurável com um toque de Drama Queen. Sonhadora, teimosa e viciada em livros, afinal, se você não pode cair no mundo, viva através dos personagens! Criadora do blog Amores e Livros, ainda acredita que um dia será paga para ler! Facebook / Twitter / Instagram

Que tal conferir também...

9 comentários

  1. Eu tõ louca por este livro... não gostei da capa, mas cada resenha que leio me faz imaginar um livro divertido no estilo de Diário de uma princesa.
    Adoro mocinhas teimosas, dão uma graça a mais. E nada melhor que um país imaginário para sonhar em dobro.

    ResponderExcluir
  2. Eu acho a capa deste livro linda. Nunca li nada da Marina, mas todos falam muito bem. E essa história de romance com conto de fadas eu também adoro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Adorei este livro quando o li. Tem uma estória linda e fofa. Fiquei apaixonada pela Ana e sua nova vida de princesa. Foi uma das leituras que mais amei em 2013. Recomendo de montão. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Já tinha visto esse livro, e até agora nunca tinha dado muita importância, mas aí li sua resenha e me apaixonei, sem falar na capa que é linda! Eu amo histórias que tem essa pitada de contos de fadas, com direito a príncipe e tudo mais. Simplesmente Ana entrou pra minha listinha de livros do mês!

    ResponderExcluir
  5. Oi Lalyn, eu também adorei este livro, a Ana é um personagem cativante, sem falar que a Marina Carvalho tem uma escrita leve e envolvente.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  6. OLÁ PASSANDO AQUI...PRA CONHECER SEU CANTINHO ...E DEIXANDO CONVITE PARA Q CONHEÇA O MEU TBM...
    http://design-visuall.blogspot.com.br/
    BJS

    ResponderExcluir
  7. Adorei a resenha, este livro parece bem legal, acho a estória muito interessante e concordo que Laika é nome de cachorro mesmo rsrsrs
    Adoro conhecer novas obras brasileiras e este livro parece ser muito bom! :)
    boa quinta-feira para você ♥

    ResponderExcluir
  8. Faz um tempinho que quero ler essa historia, achei a criatividade da autora tao f@$, de primeiro instante jurava que era uma autora internacional. Espero poder ler o livro essa ano ♥


    xx

    ResponderExcluir
  9. Eu amo o trabalho da Marina e amei esse livro. Simplesmente ana é simplesmente perfeito. E o final? Concordo com você, não tem como comentar sem estragar para quem não leu.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras