Nem Tudo Será Esquecido - Wendy Walker

16/11/2016



Título: Nem Tudo Será Esquecido
Autora: Wendy Walker
Ano: 2016
Páginas: 288
Editora: Planeta

Um dos suspenses psicológicos mais elogiados nos Estados Unidos Tudo parece perfeito na pequena Fairview, em Connecticut, até a noite em que a adolescente Jenny Kramer é violentada durante uma festa. Nas horas posteriores, ela é medicada com uma droga controversa para que as memórias da violência sejam apagadas. Mas, nas semanas que se seguem, enquanto se cura das dores físicas, Jenny percebe que guardou nuances daquela noite. [...]


Olá, leitor! Hoje lhe trouxe a resenha de um thriller psicológico que talvez mexa bastante com você, assim como mexeu comigo. Eu estou falando do "Nem tudo será esquecido" da escritora Wendy Walker. Foi um dos melhores livros que li este ano, com certeza, mas vamos saber um pouco mais da história e os motivos de eu ter gostado tanto dele? Continue lendo!


Logo nas primeiras páginas do livro somos apresentados a história de Jenny, uma garota de 15 anos que foi violentada em uma festa. Tudo começa a ser contado pelo ponto de vista de alguém que não temos conhecimento e essa pessoa vai nos relatar a história de Jenny a partir do estupro, sobre como ninguém a ouviu gritar por ajuda, sobre como ninguém a ajudou, sobre como o agressor se mascarou para evitar ser reconhecido, enfim. Sabemos disso a partir da visão de um narrador que sabe de tudo, mas que não se revela inicialmente.


Depois da noite em que Jenny foi estuprada, ela é medicada com drogas que a fazem esquecer de tudo o que aconteceu no dia em que foi violentada, isso na teoria, porque todos pensam que ela se esqueceu de tudo depois que ela acorda, mas em seguida, com o passar de alguns meses certas memórias dessa noite ainda se mostram presentes na vida de Jenny. 

O que foi removido de sua mente vivia em seu corpo e em sua alma, e me senti na obrigação de devolver a ela o que lhe foi tirado.


Então, com Jenny esquecendo-se de tudo o que aconteceu no dia, fica mais difícil para a polícia descobrir quem foi o agressor. O pai se mostra muito preocupado, pois quer justiça, mas a mãe nem tanto. No começo do livro podemos perceber que a mãe dela não é a mais interessada nessa história, é algo que o narrador nos mostra ao longo da narrativa. Nessa busca incessante pelo culpado, muitos segredos da família acabam se revelando e transformando a situação muito mais difícil de lidar.


Eu estava com raiva. Não vou me desculpar por isso. Eu queria justiça pelo que acontecera. Mas, sem memória, sem prova pericial além das fibras de lã debaixo de suas unhas - porque o monstro tinha tomado precauções -, a justiça já não era uma opção. 


O que me atraiu nesse livro foi a sinopse, eu queria ler algo sobre o tema, queria ver o que eu sentiria ao acompanhar uma personagem vítima de violência sexual e me deparei com uma escrita muito cuidadosa, bem feita e sensível. A escrita de Wendy Walker é única, eu diria. O modo como ela descreve as coisas e nos conduz pelos assuntos é muito leve, de início isso pode parecer um tédio, pode parecer uma narrativa devagar, mas depois que você se acostuma se torna uma experiência maravilhosa.

Em Nem tudo será esquecido vamos acompanhar um narrador indignado com a situação que presencia, o modo como Wendy criou esse narrador foi minucioso e, por meio dele, podemos refletir sobre os segredos que todo mundo tem e sobre como nós somos enganados por pessoas que confiamos.


Wendy Walker soube nos guiar pela história por meio de uma perspectiva peculiar, retirando alguns aspectos que foram aprofundados de um jeito muito descritivo e, às vezes, cansativo, o livro foi uma boa experiência de leitura. Recomendo-o para todos que gostem de um thriller psicológico de boa qualidade e procuram um livro com uma boa edição, achei que a capa combinou muito com a história, sem levar em conta a boa diagramação e a ótima revisão.

Espero que tenham gostado da resenha! Já leu esse livro? Me diz o que achou nos comentários. <3

Estrelas: 4/5

Meu sonho é ser companion (e ter um pug).

Que tal conferir também...

12 comentários

  1. Eu amei demais a temática do livro e já estou procurando por aqui. Fiquei muito interessada! Amo livros assim que trazem uma crítica real sabe?
    Eu to amando seu blog. É minha primeira vez aqui e já to doida pra ler outras resenhas. Já segui pra não perder nada <3

    xox
    Próxima Primavera

    ResponderExcluir
  2. Eu já li algumas resenhas sobre esse livro é tenho visto muitos comentários positivos sobre. Mas a temática não faz meu gênero então infelizmente terei que deixar passar a dica.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá. Gostei muito de suas considerações sobre esse livro que por mais que ele tenha uma leitura descritiva demais funcionou para você, mas não gosto do tema e essa capa pra mim ficou confusa. Vou deixar a dica passar. Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá!

    Raramente leio thriller psicológico, mas quando o faço, costuma me prender. É bom saber que a autora abordou esse assunto que é tão difícil com bastante zelo, ao menos é o que senti pela sua resenha. Confesso que tenho receio de ler livro relacionado com abuso sexual, não sei se me estomago aguenta, mas fiquei com vontade de ler esse, pela forma com que vc o apresentou, apesar de parecer que em alguns momentos a leitura pode ser maçante.
    Valeu pela dica, anotada.

    Beijo!
    Ana.

    ResponderExcluir
  5. Vi alguns comentários muito.bons sobre este livro, embora não seja o que estou procurando no momento. Mas será uma das minhas recomendações para quem gosta. Obrigada pela dica!

    ResponderExcluir
  6. Oie!
    Eu estou bem curiosa com esse livro, inclusive estou aguardando o meu exemplar chegar para poder ler. É uma trama que estou bem intrigada, pois achei a sinopse bem interessante.
    bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  7. Olá,
    Desde que vi o lançamento da obra fiquei muito curiosa para saber mais sobre ela.
    Suas impressões me deixaram bem animada, mesmo que alguns pontos você tenha achado muito descritivos e por vezes cansativos.
    É bom saber que foi uma excelente leitura e que é uma perspectiva peculiar que a autora nos traz.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Amanda, sua linda, tudo bem?
    A natureza humana é um dos meus assuntos preferidos, por isso sempre gostei muito de thriller psicológico. Mas eu li uma resenha falando que teremos algumas cenas da violência que ela sofreu e que serão um pouco pesadas. Só por isso optei por não ler o livro, não aguentaria, iria me fazer mal, sabe? Mas pela história fiquei louca para ler. Sua resenha ficou ótima!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oie
    ai adorei a capa e o enredo, fiquei mega curiosa e espero poder ler em breve, gostei muito da resenha, parece ser uma leitura e tanto, dica mais que anotada

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Eu gosto muito de thrillers psicológicos e esse me chamou muito a atenção, principalmente pelo narrador se encontrar tão indignado assim com essa situação. Vou ler e depois digo a minha opinião para você.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Oi! Fiquei bastante interessada na estória. Gosto muito do gênero, dica anotada!
    Muito Obrigada e parabéns pela resenha maravilhosa! Bjs
    https://literakaos.wordpress.com

    ResponderExcluir
  12. Olá! Sua resenha inicialmente me deixou muito interessada no livro, porém quando você diz que no começo a historia parece muito lenta, isso me deixou um tanto desanimada, por que apesar de ser uma historia boa, esse tipo de coisa me faz abandonar bons livros. Obrigada pela dica. Beijos

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras