O Pássaro Noturno - Alice Hoffman

06/01/2017

Somente uma amizade verdadeira pode quebrar uma antiga maldição. Quando você acha que sabe o que vai acontecer, o mundo te surpreende. Isso é especialmente verdadeiro em uma cidadezinha no Massachusetts que, segundo os rumores, é o lar de um monstro. Por causa de um segredo de família, a jovem Twig tenta ao máximo ser invisível, mas quando duas meninas, Julia e Agate, se mudam para o chalé ao lado da sua casa, tudo muda. Uma bruxa morou lá, e Twig sempre foi proibida de entrar naquele lugar. Mas Julia pode ser sua primeira amiga de verdade e aliada no plano para quebrar a antiga maldição. Nessa fascinante história, amizade e amor são verdadeiramente mágicos.

Quando recebi O Pássaro Noturno, fiquei ainda mais encantada com a beleza da capa. E foi nesse clima que embarquei na leitura sem saber nenhum detalhe a mais do enredo - nem a sinopse eu tinha lido.
"Gosto da ideia do amargo e do doce misturados para criar algo incrível. Talvez porque eu venha de uma família em que um não espera que o outro seja como qualquer outra pessoa. Ser incomum é algo comum para os Fowler." (pág. 09)
Twig é uma menina de 12 anos que faz de tudo para ser invisível. Não é que ela não pode ser vista ou coisa do tipo. Mas sua família tem um segredo, algo que não pode ser revelado para ninguém da cidade. Por esse motivo, sua mãe nunca aceita convites para ir na casa de ninguém e ninguém pode ir em sua casa. 

Os convites são sempre negados, pois sua mãe é da opinião de que não pode manter uma amizade com ninguém uma vez que nunca mais poderá ser sincera de novo já que ninguém pode descobrir o que ela esconde. Sendo assim, Twig já se acostumou a ser sozinha. Não é que ela goste ou que não sinta que as coisas poderiam ser diferentes, mas ela conhece o que está em jogo - e por esse motivo, mesmo que não entendendo quando nova, agora ela entende um pouco os motivos da sua mãe para tal isolamento.
"Sempre é perigoso ser diferente, parecer um monstro aos olhos das pessoas, mesmo de longe." (pág. 31)
Twig mora em uma pequena cidade no Massachusetts onde as pessoas são super próximas e acreditam que as lendas da cidade são reais. Essas lendas atraem tantos turistas quanto as famosas maçãs rosas da região. A floresta abriga um monstro - que de uns tempos para cá começou a fazer com que coisas desaparecessem. E todo ano a turma do acampamento de verão encena a história da Bruxa de Sidwell. Para a mãe de Twig, eles não deveriam caçoar da bruxa, mais ainda quando ela sabe que foi a bruxa que colocou uma maldição na família deles a muito tempo atrás.

É entre os atuais acontecimentos em que todos da cidade culpam o monstro, os detalhes de como foi a vida de Twig até agora, o segredo que ela e sua mãe escondem e a maldição da família que vamos conhecendo a pequena garota. Então, em um belo dia, uma família se muda para o Chalé da Pomba da Lamentação - que fica ao lado de sua casa e que reza a lenda ser assombrado. Na família tem duas garotas (de 12 e 16 anos) e tudo muda, já que Julia pode ser a primeira amiga de verdade de Twig.
"- Por favor, fique do nosso lado. - Havia lágrimas brilhantes nos seus olhos. - Já teremos bastante gente que ficará contra nós.
 - Então é claro que estou - Julia contou-me quando estávamos ali sussurrando na floresta - do lado deles.
E claro que eu também estava." (pág. 78)
Com uma narrativa incrivelmente poética e cativante, Alice Hoffman nos presenteia com um livro que fala da força da amizade e do poder que ela tem. Fui envolvida nesse mundo desde a primeira página e devorei mais rápido do que eu poderia imaginar. Entre detalhes da vida cotidiana e toques de sobrenatural, a verdadeira mágica está nos sentimentos da pequena garota e dos que a cercam - e a mistura entre maldições e esperança deixa a história muito mais bonita.

O Pássaro Noturno é uma leitura para jovens, mas que o leitor de qualquer idade que acredita na magia e na beleza dos sentimentos irá apreciar. É um livro doce que encanta e conquista, e a edição da Bertrand está incrível. Já comentei ali em cima que a capa está linda e a diagramação interna (embora simples apenas com um detalhe no início de cada capítulo) e o tamanho da edição (que está menor que o normal da editora) casam muito bem. E mais, ao final ainda tem uma receita de torta de maçã - que me deixou com a maior vontade de colocar a mão na massa.

Romântica incurável com um toque de Drama Queen. Sonhadora, teimosa e viciada em livros, afinal, se você não pode cair no mundo, viva através dos personagens! Criadora do blog Amores e Livros, ainda acredita que um dia será paga para ler! Facebook / Twitter / Instagram

Que tal conferir também...

18 comentários

  1. Olá!
    Ah, eu queria gostar desse gênero de livro, mas não consigo! Adoro ver comentários sobre, mas na hora que pego pra ler algo assim, mais juvenil, não vai :(
    Mas quem sabe quando meu filho for maior ele não gosta e me convence!
    Amei a capa também!!

    Bjus
    Andréa

    ResponderExcluir
  2. OOi!
    Amei a premissa do liro, já o tinha visto pelas redes sociais mas nem sabia do que se tratava. Fiquei bastante curiosa, parece se ruma história bem misteriosa e envolvente. Dica anotada!
    Beijoos!

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?
    EU amei a premissa desse livro e quando você diz que é uma leitura doce. Amo esse tipo de leitura que nos faz relaxar e refletir. Dica anotada. Beijos

    ResponderExcluir
  4. olá :D
    bacana premissa ter te envolvido a ponto de você devorar o livro, amo quando as leituras me deixam nesse estado...
    mas particularmente ando buscando outro tipo de histórias... dessa vez deixo passar a dica,apesar de ter noção que deve ser uma obra sensível e tocante...
    bjs ^^

    ResponderExcluir
  5. Oi. Já tinha visto esse lançamento da editora, mas assim como você, não sabia muito sobre a obra. Fiquei muito feliz por você ter gostado e lendo sua resenha, vi que quando ler também vou adorar. Acredito que a narrativa desse livro seja incrível.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    Hoje em dia os livros juvenis são tão focados em romances que raramente vemos algo relacionado a amizades, só por isso já gostei do livro.

    http://euinsisto.com.br

    ResponderExcluir
  7. Olá, adorei a proposta do enredo e fiquei mega curiosa para saber o que elas tentam esconder, além de que a capa esta realmente muito lindinha *-* Dica anotada.

    http://meumundo-meuestilo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Que bom que o enredo o cativou e a fez ter uma ótima experiência. A princípio, ele não tem a premissa que me chamasse atenção, mas agora vou reavaliar a minha opinião. Abraços!

    ResponderExcluir
  9. Lica!
    gosto demais de histórias com superstições, magia, maldições, etc e ver uma adolescente envolta em tudo isso e sem poder fazer amigos, deve ser bem doloroso.
    Tomara que ela consiga mesmo quebrar a maldição de família e consiga ter uma vida normal de adolescente.
    “A dúvida é o princípio da sabedoria.” (Aristóteles)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de JANEIRO dos nacionais, livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  10. Olá
    uau a capa é realmente muito linda e o enredo me chama a tenção, fiquei curiosa pois acho uma delicia esse tipo de leitura pois parece nos passar esperança e tudo mais, bela resenha e dica

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Você conseguiu me encantar come sta resenha, trazendo uma leitura tão cativante e um enredo tão envolvente que atrai leitores de todos os gêneros. Os temas trazidos no livro despertaram minha atenção, justamente por nos trazer uma chuva de sentimentos.

    ResponderExcluir
  12. Gostei da sua maneira de escrever sobre o livro, em alguns trecho da para imaginar o filme da estoria. Beijos

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    "O passaro noturno" parece ser muito bonito. Eu gosto de textos que se aprofundam numa narrativa sobre amizade, com um teor poético... acho que é meu tipo de livro, embora ache essencial um romance kkkkk
    bjss

    ResponderExcluir
  14. Olá, tudo bem.

    Capa linda, e a premissa é muito interessante. Gostei da sua resenha, da forma que você nos passou o enredo, de forma clara e bonita. Deu vontade de conhecer a história, gosto de juvenis que nos prendem e passam uma mensagem bonita.

    Abraços

    ResponderExcluir
  15. Gosto bastante desses livros que tem um público especifico, mas que podem ser lidos por pessoas de todas as idades.
    A capa está realmente linda, muito atraente. Já me conquistou de cara.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  16. Ola.
    Estou simplesmente encantada com essa resenha. Esse livro esta na minha lista de desejados. Lendo sua resenha tenho certeza que vou amar. Saber que a narrativa é poética me deixa muito mais animada. Amei

    ResponderExcluir
  17. Lica, tudo bem?

    Também achei a história cativante e cheia de sentimento, sem dúvidas isso prende o leitor e facilita a leitura, que flui rapidamente. Adorei os personagens! Um livro que sem dúvidas, mesmo sendo para uma faixa etária mais jovem, pode encantar leitor de todas as idades.

    Beijo,
    Leitoras Inquietas

    ResponderExcluir
  18. Parece ser uma leitura gostosa, eu curto livros que cultivam amizade, apesar de noa me lembrar de ter visto esse livro, gostei muito e pretendo colocar na minha lista, mesmo que também pareça um pouco juvenil.

    Beijos

    Viviana

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras