Bruxas e Bruxos - James Patterson

07/04/2014

Olá galera!


Sei que a resenha de hoje já deveria estar disponível a muito mais tempo (terminei de ler o livro em agosto de 2013) mas vários pequenos contratempos não me permitiram. Vamos apenas dizer que 'antes tarde do que nunca', que tal? Bora lá?

Sinopse: "No meio da noite, os irmãos Allgood, Whit e Wisty, foram arrancados de sua casa, acusados de bruxaria e jogados em uma prisão. Milhares de outros jovens como eles também foram sequestrados, acusados e presos. Outros tantos estão desaparecidos. O destino destes jovens é desconhecido, mas assim é o mundo sob o regime da Nova Ordem, um governo opressor que acredita que todos os menores de dezoito anos são naturalmente suspeitos de conspiração. E o pior ainda está por vir, porque O Único Que É O Único não poupará esforços para acabar com a vida e a liberdade, com os livros e a música, com a arte e a magia, nem para extirpar tudo que tenha a ver com a vida de um adolescente normal. Caberá aos irmãos, Whit e Wisty, lutar contra esta terrível realidade que não está nada longe de nós."

Você pode estar imaginando que eu sou integrante da Nova Ordem, achar que meu texto foi editado por eles para que você acredite no mundo que eles criaram, ou até mesmo que eu possa estar em cativeiro sendo forçada a escrever estas linhas para que você acredite no que eles querem, mas a verdade é que ninguém tem como saber a verdade!

Eu sou leitora compulsiva de distopias que envolvam bruxaria, enigmas e outras 'esquisitices' e isso ninguém pode negar. Assim que eu vi que a NC estava para lançar esta série, eu imediatamente me prontifiquei para lê-los. Esperei pelo primeiro e devorei em um dia! Bom, vem aquela pergunta: "Gi,  você já resenhou tantos depois dele, porque a demora pra resenhar este?" Eu respondo: porque é difícil! Quase impossível falar dele! Não, ele não é super mega maravilhoso, só que me deixou sem palavras. Não é isso. É que eu me decepcionei um pouco com o James. Ok, não foi só ele que escreveu, mas ele deu a cara a tapa pra poder vender mais uma história, não foi? Então, querido James, toma: Paft!!!!

A bofetada começa com toda a mídia sobre os livros. A brincadeira de envolver o leitor na conspiração da resistência é muito boa, gostei tanto que vou fazer também nas resenhas. O enredo é bem jovem. Com algumas incoerências linguísticas que notamos claramente na galera na casa dos 12 anos até os 18, que provavelmente deve ser muito mais charmoso na língua pátria, já que conhecemos diversos livros que traduzidos perderam força por conta de expressões mal resolvidas ou sem uma palavra a altura em português... bom, vamos deixar isso de lado.

Uma coisa que me incomodou foi o número perverso de capítulos. Quem é que em sã consciência vai escrever um livro com mais de 200 paginas com mais de 120 capítulos? Onde eles estavam com a cabeça? A ideia de capitulo novo pra mim é para arejar a cabeça para novos passos, dar um tempo pra respirar. Mas fazer isso tantas vezes? Francamente! Um exagero! Claro que o 'Único que deve formatar livros' está por traz disso...
Outra coisa muito importante é a história. Ela nos leva a crer que tudo está conectado, que cada linha escrita pode ter sido alterada pela ordem, mas não mantém a proposta da 'brincadeira' proposta pelo marketing por muito tempo. Tem muitas referências boas de livros que gostei (Narnia, HP, Matrix, Eu,Robô, Eu Sou a Lenda...) mas não foi algo que eu tenha amado. Apenas gostei.

Aventura literária válida, cheia de contrapontos interessantes, acontecimentos rápidos e muitas quebras com
seus vários capítulos. Se você teve acesso a este livro, se esconda para ler pois os agentes do Único estão por toda parte e podem denunciar você!

Eu deixo vocês por ai, pensando se tudo que está escrito foi editado pela tirania e volto, se eu ainda estiver livre amanhã...

Que tal conferir também...

8 comentários

  1. gente eu achei esse livro mt ruim . na verdade tdos os livros dessa história são ruins, to traumatizada!

    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  2. Oi, Gisele, tudo bem?

    Confesso que me identifiquei em partes com sua resenha. Eu falei há um tempo atrás sobre esse livro e uma palavra define: DECEPÇÃO! Toda aquele marketing em cima do livro no lançamento, aquele estardalhaço pra absolutamente nada. Tanto que agora os outros livros estão sendo lançados sem nenhum alarde. Mas enfim, não curti ter lido ele. Por mais que a diagramação seja muito boa, não curti. E esse lance do Único? Não sei você, mas eu nem gostei, achei infantil demais, sabe? :D

    Adorei conhecer o blog de vocês! Eu vi que você é de Curitiba, mas tem gente de Blumenau aqui também, né? Tão lindo conhecer blogueiros da cidade :)

    Beijos, Diego.

    http://www.aculpaedovisconde.com

    ResponderExcluir
  3. Oi Diego. Estou morando em Blumenau também... faz um mês só... hehheh Bom ter mais um Blog na leitura!

    ResponderExcluir
  4. Oi Gisele.
    Eu tenho o livro em casa desde o lançamento praticamente. Vi muitas resenhas negativas e acabei deixando ele um pouco de lado. Mas eu quero ler sim, a capa é lindíssima!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Me entusiasmei muito com este livro, pena que a sequência foi decepcionante.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  6. Eu acho a capa desse livro muito bonita, mas já li outras resenhas dele e não oram tão boas, não sei se leria ele, até pelas continuações também que não foram tão bem vistas.

    ResponderExcluir
  7. O livro parece ser muito bom, gosto de livros que o personagem principal é um adolescente um tanto rebelde e que sempre alguma coisa conspira contra ele, mas sou mais acostumada em que o personagem principal é uma menina.

    ResponderExcluir
  8. O ritmo da leitura é bem rápida e a narração eu achei engraçada. Pra mim, é um livro voltado para crianças. Aqueles que estão querendo iniciar a leitura sobre fantasias.
    Muitas críticas a respeito do livro, realmente.
    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso Top Comentarista

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras