A Garota do Penhasco - Lucinda Riley

28/06/2014

Sinopse: "A Garota do Penhasco é um romance que enreda o leitor através de vários fios: a história de Grania Ryan e sua querida Aurora Devonshire, a garota do penhasco, nos fala sobre mudança de vida. A história das famílias Ryan e Lisle é um lindo conto sobre um século de mal-entendidos e rancor entre inimigos que se acreditam enganados por falcatruas financeiras. 
O caso de amor entre Grania Ryan e Lawrence Lisle comove por sua delicadeza e força vertiginosa que culmina em imensa tristeza. Mas, sobretudo, 
A Garota do Penhasco é um livro que mostra como é possível encontrar uma finalidade, um propósito, quando todas as esperanças parecem perdidas. 
“De ritmo tenso e original, este é um romance envolvente sobre recuperação, resgate, novas oportunidades e amor perdido.” -- Booklist

Lucinda está começando a fazer parte da minha rotina literária. Primeiro foi 'A Luz Através da Janela' (como você pode conferir clicando aqui ), o segundo foi A Garota do Penhasco e o terceiro será A Rosa da Meia Noite... Passo tanto tempo com ela que sinto como se ela fosse minha amiga! 

Uma coisa que eu posso afirmar dela é que ela pensa muito bem suas personagens. Descreve tão perfeitamente que eles podem se materializar na sua frente se você deixar! Outro fato sobre a autora é que ela povoa suas tramas com muitas mulheres. Há sempre uma, pelo menos uma, com o qual a gente se identifica. Ela é danada em conhecer nossos temores e em escrever como as dúvidas e impulsividades nos faz meter os pés pelas mãos! Isso não há como negar que ela faz bem.

Sobre o penhasco, eu achei que ela iria colocar algo sombrio e tenebroso de verdade desta vez. Sei lá, alguma maldição, algo mais sobrenatural, mais etéreo... bom, tem alguma coisa acontecendo por ali, mas não foi exatamente o que eu estava esperando depois de certos momentos na leitura. Isso quer dizer que ela me surpreendeu, o que é bom, muito bom na verdade! Tenho dado sorte com os últimos livros que li! Adoro quando isso me acontece. e aposto que vocês também, não é?

Tem frases que eu marquei de que gosto muito, vou compartilhar, fora de ordem, pra que vocês entendam no que eu gosto na escrita desta autora;
"Então, quando uma de nós ficar triste, a outra alegra a que estiver triste, não é? - A bravura e a força de Aurora eram muito mais tocantes do que suas lágrimas."
"Talvez seja simplesmente sua personalidade ou, mais provavelmente, tenha origem em uma sensação de insegurança. Você já se perguntou por que não quer que as pessoas te ajudem? Talvez acredite, no íntimo, que não merece receber ajuda."  
"Levantou a cabeça e olhou para o mar. As águas estavam calmas nesse dia, tranquilas. Um monstro adormecido que poderia erguer-se e criar uma destruição em questão de minutos."
"Grania sabia, por experiência própria, que esse estado de coisas provavelmente não duraria muito tempo; o sol em West Cork era como uma diva temperamental, encantando o palco com sua aparição súbita para uma ponta, banhando a todos em sua glória e, em seguida, desaparecendo tão rapidamente quanto aparecera..." 
Por estas e outras poesias dentro dos livros dela que eu recomendo a leitura deste e dos outros livros dela. Ela sabe como expor a alma feminina em momentos de fragilidade e em momentos de bravura e força!

Até a próxima!

Que tal conferir também...

5 comentários

  1. Eu acho que esse é um daqueles livros que você ler e se encanta, que faz você quer ler outras obras da autora! Infelizmente ainda não li nada dela, mas tenho uma curiosidade imensa pra ler. Adoro quando os livros me surpreende, quando você acha que vai acontecer algo, e de repente é algo totalmente diferente, faz você ficar eufórico!

    ResponderExcluir
  2. Eu já li esse livro faz algum tempo, e também gostei bastante do livro. Eu não esperava muito dele, mas ele me surpreendeu bastante. Confesso que também me identifiquei com uma personagem =)
    Agora estou querendo ler os outros livros dela, e vou torcer pra gostar também.
    Bjss

    ResponderExcluir
  3. Tenho dois livros da autora, mas ainda não os li. Pelo que vi, ela sabe retratar a alma feminina como poucas. E isso é muito bom. O que acho interessante nos livros dela é que ela sempre faz um jogo passado x presente bem interessante.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  4. Eu só li um livro da autora (que é enorme também) e adorei. Mas tenho esse aqui e ainda não dei oportunidade, por ele ser tão grosso também hahaha Mas após a resenha irei, sem dúvidas, dar uma chance ao livro. Parece ser muito!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Não conhecia a autora, mas só pelo fato de você ter dito que sente como se ela fosse sua amiga, já me encantei por ela. É sempre bom encontrar um escritor com o qual a gente se identifique. Vou ler mais algumas coisas sobre esse livro.. A sinopse dele me lembrou uma novela, em que as famílias de um casal vivem em guerra. Talvez eu dê uma chance a ele. Beijos!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras