Frozen - Melissa de La Cruz & Michael Johnston

03/09/2016

Melissa e Michael criam um universo distópico em Frozen. A obra se passa em Nova Vegas, uma cidade outrora cheia de brilho, mas que atualmente é coberta de gelo. A protagonista, Natasha Kestal é uma jovem crupiê à procura de uma saída. Como muitos, ela ouviu falar de um lugar mítico simplesmente chamado de Azul, um paraíso onde o sol ainda brilha e as águas são turquesa — e um lugar onde Nat e seus semelhantes não serão perseguidos, mesmo que seu segredo mais obscuro venha à tona. Mas o caminho para o Azul é traiçoeiro, senão impossível de atravessar, e sua única chance é apostar em um grupo de mercenários liderados pelo arrogante Ryan Wesson para conduzi-la a seu destino. Ciladas e perigos os aguardam em cada esquina, à medida que Nat e Wes se veem atraídos um pelo outro.

A sociedade humana se sustenta transformando a natureza em lixo.(Mason Cooley)
Passeando pelos blogs americanos me deparei com a capa de Frozen e fiquei super curiosa com ela. Já fazia tempo que eu queria ler algo da Melissa, e uns dias depois disso, recebi as opções de solicitação da parceria com o Grupo Record. Resultado? Não pensei duas vezes quando escolhi Frozen como uma das opções. O caso é que eu tinha lido a sinopse no site americano bem por cima e não li a sinopse em português, o que me fez começar a leitura meio que sem saber o que esperar do livro. E o que aconteceu? 

Frozen não é em nada meu estilo de leitura - sério, ele é aquele tipo de livro que eu pensaria em ler somente depois de muita recomendação e ainda assim iniciaria ele com um certo receio. MAS... Fico muito mais do que feliz com o acaso que fez o livro parar em minha mão, uma vez que eu não consegui largar a leitura sem chegar no final - e agora, quero desesperadamente o segundo volume da trilogia.
"O mundo acabara muito antes da chegada das neves (...) sendo o Grande Congelamento apenas a catástrofe mais recente. O mundo estava sempre acabando. A questão era sobreviver ao que viesse em seguida."
Faz muito tempo que o mundo não é mais o mesmo. Muitas mudanças aconteceram e agora o gelo toma a maior conta de tudo. O céu é cinza, e faz muito, muito tempo que ninguém mais sabe o que é o sol, ou os outros detalhes simples do meio ambiente (como plantas e animais). São poucas as cidades que ainda vivem - a grande maioria apenas sobrevive e, claro é tudo super controlado. Toque de recolher, refeições controladas aos pobres (que na maioria das vezes precisam ir para filas para ganhar apenas um pouco de 'grude'), o ir e vir não é mais tão simples e até a água pura é um luxo - são poucos os que tem dinheiro para pagar por apenas um copo.

Junto a todo esse cenário distópico, temos também uma quantidade interessante de fantasia. Existem os marcados - que são as pessoas caçadas e excluídas da sociedade por serem os 'malvados'. Pelo menos essa é a posição do governo quanto a eles. São vários os tipos de marcados - e cada um deles tem um certo poder de magia (mover objetos com a mente, controle de outros seres humanos, poder alterar as coisas - tanto realmente como por ilusão e por aí vai).
"Todos os livros que Nat preferia ler eram escritos por pessoas que viveram muito tempo atrás. Não havia músicas novas também - a safra atual de estrelas pop era toda formada por bandas cover, que repetiam a música de outra era. Era como se até a imaginação tivesse morrido quando o gelo veio."
É assim que conhecemos Nat - uma jovem crupiê de Nova Vegas. Nós sabemos que ela é uma marcada que está conseguindo se esconder do governo e que precisa chegar a um lugar mítico chamado de Azul. O Azul é um lugar onde o sol ainda brilha e as águas ainda são transparentes. Além disso, é meio que a garantia de liberdade para Nat já que lá, os marcados não são perseguidos. O mais legal de tudo na história é que, mesmo tendo muitos tipos de marcados, não sabemos o que a Nat é - já que ela mesma não se lembra muito bem de tudo pelo que já passou. Então, é durante a leitura que vamos descobrindo aos poucos o que o governo fala sobre o povo marcado e também ao longo da história vamos descobrindo a verdade sobre eles já que ao longo do caminho vários aparecem no caminho de Nat em busca do Azul.
"Nat não sabia o que fazer com Ryan Wesson - se queria dar um tapa ou um beijo."
É em busca de uma rota de fuga, de alguém que a leve escondido para o Azul que Nat acaba conhecendo Wes. Ryan Wesson é líder de um grupo de mercenários que vivem de fazerem alguns trabalhos ilegais - entre esses trabalhos ele é conhecido por conseguir atravessar as pessoas através do País do Lixo e dos Oceanos tóxicos. Ryan acaba de recusar um trabalho em que ele seria bem pago por achar que não vale o peso em sua consciência - e por esse motivo acaba aceitando a proposta de Nat de levá-la até as terras que existem depois dos oceanos tóxicos.

O grande ponto da história é a fuga clandestina de Nat e do grupo de Wes já que eles também estariam em encrenca com a ERA (o exército) se forem pegos. Além de tudo, o caminho que eles precisam seguir é cheio de perigos em si, além de todos os outros tipos de ameaçadas que podem surgir pelo caminho. E elas surgem, dando muita ação a toda a leitura.
"Havia dias em que podia fingir que ela era apenas isso: só mais uma sonhadora tentando ganhar a vida em Vegas, com esperança de ter sorte numa aposta."
Se você chegou até aqui e está pensando que eu contei muita coisa, não se desespere. Eu não contei muito mais do que algumas páginas. E mais, parece que a cada capítulo novas coisas surgem pelo caminho. Isso foi algo que me deixou um pouquinho irritada durante a leitura. Em alguns momentos eu lia e lia e ainda assim tinha a sensação de que não sabia muito sobre o mundo e sobre a história. Ao mesmo tempo, era interessante ver coisas novas surgindo o tempo todo durante a leitura.

Frozen mistura fantasia com distopia e, como eu disse no início, não seria um livro que me agradaria facilmente. Mesmo assim, a narrativa é tão envolvente, tornando os acontecimentos tão interessantes que fiquei mais do que encantada. Eu queria saber mais do mundo, eu queria saber mais da Nat e do que ela seria capaz de fazer com seus poderes, eu queria saber mais do Wes. E olha que eu nem vou entrar em detalhes sobre o relacionamento entre Nat e Wes. Os dois parecem estar o tempo todo em uma partida de pôquer, apostando e blefando um com o outro - e também com os acontecimentos. E como os capítulos são intercalados entre os dois, sabemos os sentimentos e as confusões de pensamentos que os dois estão passando.
"Existe sempre apenas uma fração de segundo entre a vida e a morte, pensou Wes. Aproveite cada segundo que tiver."
Para quem procura uma leitura cheia de reviravoltas, com toques de humor e suspense em um mundo futurista, meio distópico mas cheio de fantasia, Frozen é um livro na medida certa. A originalidade da narrativa em meio a muitos pontos já pensados faz com que a leitura seja mais do que interessante e agradável. "Mike e Mel" acertaram o ponto exato na mistura dos ingredientes, deixando o final fechado como um livro deve ser e ao mesmo tempo com um monte de caminhos em aberto pela frente, fazendo com que o leitor queira o segundo volume o quanto antes!

Romântica incurável com um toque de Drama Queen. Sonhadora, teimosa e viciada em livros, afinal, se você não pode cair no mundo, viva através dos personagens! Criadora do blog Amores e Livros, ainda acredita que um dia será paga para ler! Facebook / Twitter / Instagram

Que tal conferir também...

31 comentários

  1. Olá!
    Eu li o livro, e confesso, que diferentemente de você, ele acabou me decepcionando um bocado. Na verdade, o começo foi muito bom. O entrosamento dos personagens, a história, tudo conspirava pra eu amar. Mas da metade pro final, achei que ficou tudo muito corrido, forçado. Até o romance da Nat com o Wes, que gostei tanto no começo, perdeu a essência. Aconteceu tanta coisa que eu não sei exatamente o que esperar de uma continuação, caso venha :(

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi David...
      De uma certa forma, te entendo. Realmente acontece muita coisa no final e de certa forma isso pode incomodar alguns leitores, e decepcionar como foi com você. Mesmo assim, o fato de a Nat querer chegar no Azul e isso já ter um fechamento no primeiro livro me deixou satisfeita e deve ser por isso que não me senti desapontada...
      Abraços,
      Lica

      Excluir
  2. Hummm, eu achava que fosse uma obra baseada nos filmes, mas pelo visto não é nada disto, acertei? de qualquer forma eu leria o livro, sem compromisso e esperando qualquer coisa, não é meu gênero favorito, mas em matéria de leitura vale tudo né.

    Bj, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    Nunca li o livro, e realmente não sei se leria. Apesar de gostar muito de fantasia, distopia não é muito a minha ''praia''. Mas talvez esse mix de reviravoltas, suspense e um bom toque de humor torne as coisas mais interessantes, ainda mais levando em conta que se trata de um mundo distópico mas repleto de fantasia. Seria uma leitura bastante diferente do que estou acostumada, então por que não, né?
    Abraços.

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Eu gosto de livros distópicos, mas esse me lembrou muito o mundo da Disney pelo título hahahaa Gostei que tem tudo isso de suspense, reviravoltas e etc que deixam o livro muito mais interessante.
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  5. Só de ver que é fantasia, e distopia, já quero!

    Adorei :)

    Boutique de Clichês

    ResponderExcluir
  6. Que bacana, vou te falar que não conhecia esse livro aí não. Talvez por não ser muito atenta as distopias que é um gênero que comecei a ler tem pouco tempo. Ainda assim achei bem interessante.
    Bjão
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  7. Oiii, tudo bem?
    Sempre pensei que esse livro tinha alguma relação com o filme hahahah E não leria por causa disso :3
    Mas como não tem nada a ver, talvez eu faça essa leitura se tiver oportunidade. Gosto bastante de fantasia e de distopia. Já li um livro que misturava os dois e curti bastante. Espero que o mesmo aconteça com isso :)
    Ahhh e é tão legal quando achamos que não iremos curtir a obra, mas acabamos curtindo =D
    Beijoooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oiii, tudo bem?
    Menina que resenha mais incrível é essa? Eu realmente quero ler a obra diante de tanta beleza em uma obra só, faz tempo que não leio algo assim que me deixarei tão encantada. Parabéns pela resenha e dica anotada.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  9. Oi, Lica!
    O engraçado é que desde a divulgação de seu lançamento, o título tem me remetido tanto ao filme Frozen - Uma Aventura Congelante, que só agora, com sua resenha, é que pareceu cair a ficha na minha cabeça de que ambos, livro e filme, são totalmente distintos. E bota diferente nisso, uma distopia ainda mais? Parece mesmo ser uma leitura muito boa e ágil, foi até um pouco além do que eu imaginei que pudesse por um momento, e talvez pense em lê-la quando a trilogia toda já estiver lançada no Brasil, para facilitar, quem sabe, rsrs.
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ SammySacional ♥

    ResponderExcluir
  10. Oi, tudo bem?
    É muito bom quando a gente se surpreende com uma leitura, né? Que bom que a leitura foi boa.
    Eu gosto de livros distópicos, não conhecia esse livro e fiquei interessada na leitura. Acho a capa linda, obrigada pela dica.
    Ótima resenha.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Ooi! Tudo bem? Que bacana o enredo. Eu não conhecia o livro, mas achei a ideia bem diferente. Amo fantasia, então creio que seria uma boa!
    Parabéns pela resenha! Bjs

    ResponderExcluir
  12. Oi Aline.

    Eu fui pega de surpresa com a sua resenha, pois imaginava que o livro fosse do filme e não uma mistura de fantasia com distopia. Achei bem interessante e vou anotar sua dica para tentar adquirir o livro. Sua resenha está ótima.

    Bjos

    ResponderExcluir
  13. Olá Lica!
    Desde que o Grupo Editorial Record lançou esse livro estou curiosa.
    Ainda não li nenhuma obra da autora e saber que o livro é uma distopia com fantasia (dois gêneros que amo), além de conter uma narrativa envolvente e que deixa ansiosa para conhecer o próximo já me conquistou. Está na minha lista de leitura.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Oi Lica, tudo bom?
    Sua resenha toda eu fiquei me perguntando o que seria"crupiê", acho que vou procurar no Google rs.
    Achei a temática distopica interessante, apesar de infelizmente, livros desse gênero parecerem um pouco todos iguais. Mas sua resenha me chamou atenção pra esse livro que não conhecia.
    Beijo

    ResponderExcluir
  15. Olá! Esse parece o tipo de livro que eu pegaria para ler apenas pela capa (que está linda!), mas quando li que é uma distopia fiquei ainda mais animada para ler! Gostei do fato de misturar fantasia junto, e estou curiosa para conferir o desenrolar. Entrou na minha lista de leituras, beijos

    ResponderExcluir
  16. Minha amiga me emprestou esse livro e disse que eu precisava ler esse livro, pq era muito bom, a história era incrível, personagens bons e encheu o livro de elogios. Aí não sei se foi por conta das minhas expectativas altas que eu acabei não curtindo toda a experiência dele. Cheguei até mesmo a abandonar a leitura. O começo me prendeu um pouco, mas depois dw alguns capítulos já não consegui mais ler... Até que lendo a sua resenha agora eu fiquei um tantinho mais animada pra continuar, mas é tanto livro que eu julgo ser melhor na frente dele que nem sei se ele vai ter a vez dele... Mas enfim... Amando as resenhas e já vou pra próxima...

    ResponderExcluir
  17. Eu amo fantasia + eu amo distopia = eu preciso desse livro. Li algumas outras resenhas dele, e o primeiro livro que me veio na cabeça foi o da Disney (que eu to namorando algum tempo também). Esse parece ser bem sério, mostrando como deve ser a sociedade diferente da nossa. Gosto de livros assim. Espero poder comprar ele logo.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Lica!
    Como falei anteriormente, adoro distopias, principalmente quando o governo está envolvido e aqui ainda tem um toque de fantasia.
    E pelo visto, se engana quem pensa que o livro tem haver coma história infantil de Frozen, né?
    E adorei saber que ainda tem uma pitada de mistério, deve ser um ótimo livro.
    “Educar é semear com sabedoria e colher com paciência.” (Augusto Cury)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de SETEMBRO com 3 livros + BRINDES e 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  19. Já vi muitas pessoas falarem super bem desse livro. Pois os autores conseguiram envolver fantasia com distopia. Eu gosto muuuito de distopia e tenho certeza que ia gostar desse livro.
    Já está na lista de desejados.
    Bjss

    http://livrosemarshmallows.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Parabéns pela resenha! Não conhecia esse livro, distopia não é meu gênero literário favorito, mas essa capa e sua resenha me farão dar uma chance para ele!

    ResponderExcluir
  21. Oi Lica!

    Frozen é exatamente o tipo de livro que eu amo! Eu amo distopia, com fantasia então, deve ser fantástico! Pena que ele passou despercebido por mim nas news, viu. :s
    Mas enfim, eu fico um pouco assustada com esse tipo de história porque sei lá, existem chances de essas coisas acontecerem. Claramente se eu vivesse num cenário assim e mesmo que escutasse boatos que existe um lugar tão incrivel quando o Azul, já sairia procurando. Quero muito conhecer essa história!

    Beijo!
    http://www.roendolivros.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Oii!

    Distopia é um gênero que curto bastante. Quando vi Frozen nas livrarias, achei se tratar de algo relacionado ao filme. Mas pela sua resenha (muito boa por sinal), vi que é bem diferente.

    Leria com certeza!

    Beijos!
    https://leelerblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Eu adoro fantasias e distopias, então só isso já me deu vontade de ler esse livro. Sua resenha me deixou ainda mais curiosa, pois a história tem muitas coisas interessantes e estou louca pra saber o que acontece.

    Abraços :)

    ResponderExcluir
  24. Oi.
    A capa está linda e a premissa me conquistou. Estou ansiosa para fazer a leitura e conhecer os personagens e essa história tão cativante. Sua ótima resenha me motivou mais ainda! Com certeza uma leitura que prende a atenção do leitor. Obrigada pela dica. Beijos.

    ResponderExcluir
  25. Oi!!
    Quando li o título do livro lembrei do filme, que por sinal eu não assisti, mas lendo a resenha acredito que não tem nada a ver com o filme né.
    Acredito que esse não seria um livro que eu procuraria para ler, mesmo tendo gostado a tua resenha e gosto de livros que tem reviravoltas, mas eu passo a leitura.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  26. Esta ai um livro que esta me atraindo pela capa, não tinha lido nenhuma reswnha sobre esse livro, essa é a primeira ameiii sua resenha e esse livro vai para lista de desejados.

    ResponderExcluir
  27. Oi Lica,
    Como a grande maioria, quando vi o lançamento desse livro associei na hora ao filme. Estava à espera de uma resenha, pois fiquei intrigada para saber logo do que o livro se tratava. Não tinha o costume de ler distopia, mas agora peguei o gosto por esse gênero, e com fantasia então, fico ainda mais empolgada para ler esse livro. Pelo jeito, o livro é cheio de surpresas e reviravoltas, com o tipo de história que prende o leitor desde o inicio, e faz com que o leitor espere ansiosamente pela continuação. Quero ler assim que tiver o livro em mãos.
    Beijos

    ResponderExcluir
  28. Oie, tudo bom?
    Essa é a primeira resenha que vejo do livro, e gostei, parece ser viciante, e que legal pegar um livro que não tinha noção do que se tratava, e gostar, e sem contar que se você soubesse não iria ler hahaha, eu li somente dois livros do gênero distópico e amei, e tenho certeza de que Frozen irá me agradar, sem contar que estou louca para saber sobre esse lugar Azul e mais sobre os marcados.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  29. Adoro esse tipo de leitura e esse livro se encontra na minha listinha já há algum tempo. Ainda não tive a oportunidade de tê-lo em mão e enquanto isso vou lendo as resenhas e comentários sobre ele.

    ResponderExcluir
  30. Não sou muito fã de livros de fantasias mas esse me pareceu bem diferente de muitos outros que já li, enfim achei muito boa a resenha!!!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras