Lentes Mágicas #15 : Homenagens

25/08/2011

O mês de Agosto está no fim e já é hora de começar as homenagens a tudo que teremos em Setembro... Eu vou ter o prazer de fazer uma homenagem que vale por duas durante um mês!

O que vou fazer? Simples: usarei a coluna Lentes Mágicas para contar as histórias literárias que eu mais gostei ver em filmes! Farei isso para todos vocês que vão a Bienal do livro no Rio e pelo primeiro aniversário do blog em homenagem á Lica!

O filme de hoje é pra gente, diretamente: O Leitor!
                                          
Título original: The Reader
Título em português: O Leitor
Lançamento: 2008 (Alemanha, EUA)
Direção: Stephen Daldry
Atores: Ralph Fincienses, David Kross, Jeanette Hain, Kate Winslet.
Duração: 124 min
Gênero: Drama
Distribuidora: Imagem Filmes
"Na Alemanha pós-2ª Guerra Mundial o adolescente Michael Berg (David Kross) se envolve, por acaso, com Hanna Schmitz (Kate Winslet), uma mulher que tem o dobro de sua idade. Apesar das diferenças de classe, os dois se apaixonam e vivem uma bonita história de amor. Até que um dia Hanna desaparece misteriosamente. Oito anos se passam e Berg, então um interessado estudante de Direito, se surpreende ao reencontrar seu passado de adolescente quando acompanhava um polêmico julgamento por crimes de guerra cometidos pelos nazistas. A sociedade acredita que é guiada pela moralidade mas isto não é verdade. O premiado diretor de As Horas, Stephen Daldry, mostra novamente toda sua força nesta história de medos e segredos escondidos pelo tempo. Hanna foi uma mulher solitária durante grande parte da vida. Quando se envolve amorosamente com o adolescente Michael não imagina que um caso de verão irá marcar suas vidas para sempre. Livro com sucesso mundial de vendas, O Leitor é a uma história que nos levará a questionar todas as nossas mais profundas verdades." 

Meus motivos para a indicação deste livro/filme estão dentro dos critérios de sempre: nos mostrar uma coisa conhecida sobre nova perspectiva. No caso, temos um amor 'impossivel', uma paixão que supera limites e que não se apaga com o tempo. Vi este filme diversas vezes, já o livro li uma vez só. 

Hanna é uma senhora de meia idade, vivendo na alemanha pós nazista, encontra Michael (que ela chama de menino!) muito triste pelas ruas da cidade. Ela o acolhe e em troca, todos os dias ele lê um livro novo para ela. 

Ela percebe-se apaixonada por ele muito antes do menino se dar conta. Com uma postura rigida, sem muito contato fisico, mas muito contato visual (na minha opinião é onde mora o perigo!) Ela o trata como filho na maior parte do tempo, mas estar ao lado de um jovem em plena idade de descoberta não é fácil. A cena que ela dá um banho de esponja nele, com movimentos mecânicos e sem gentileza, é o estopim para ela ceder aos caprichos da paixão. Não sou muito de contar o que acontece nos filmes mas não posso deixar de falar da cena em que ele nada nu no lado em pleno inverno: Literalmente um mergulho nas lembranças frias!
 
A diferença que encontramos do livro pro filme é somente os diálogos, a adaptação normal que toda literatura sofre num roteiro de cinema. A história continua concisa, sem perder nenhum elemento da história contada por Schlink. Por esse motivo, o final da história contada no livro deixa a desejar na tela. Fica um pouco sem sentido a cena do Michael no cemitério com sua filha (que sinceramente, não fede não cheira na história, um elemento descartável...). O enredo enfraquece cada vez que ela aparece... aff!

Hoje não irei fazer minha critica sobre interpretações, uma porque já falei que eu amo Ralph Fiennes e ninguém precisa falar mais do que já foi dito na carreira de Kate!
Pra quem gosta de romance histórico é uma delícia! Quem gosta de quebra de barreiras e convenções é uma delícia! Quem gosta de filme deve ter em casa pra ver de vez em quando! 
Aconselho a ver os dois: livro e filme. 

Na próxima quinta, um pouco mais de ação aqui na coluna! 

Até semana que vem...

Que tal conferir também...

10 comentários

  1. romance histórico é uns dos meus temas favoritos, tenho certeza que vou amar, estava precisando mesmo ler algo assim ♥ adorei a dica, esperando Setembro anciosa para ver o que vcs estao prparando!
    amei a dica, vcs sao d+, sempre tras coisas boas!

    ResponderExcluir
  2. @ariane
    Agradecemos muito sua presença no blog... sempre comentando!
    Que bom que gostou!
    Agraços

    ResponderExcluir
  3. Olha vou ser bem sincera, eu sei que esse filme é lindo mas e triste né...e eu chorei mt vendo a tristeza desse casal..a interpretação dos dois é uma coisa...mas dá raiva do julgamento onde esperamos que mts coisas sejam ditas e não são por vergonha

    Parabéns pela escolha, um filme marcante sem dúvidas

    bjos
    Raffa Fustagno
    http://livrosminhaterapia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Adoro romances, assim que possível vou alugar... gostei do enredo!

    Valeu pela dica, Gi! =)

    @BobbyDupeaGirl

    ResponderExcluir
  5. Adoro esse filme! Assisti na época em que el foi indicado ao Oscar. Amo Ralph Fiennes... A Kate eu gosto... Mas assisto todos, TODOS os filmes com o Ralph Fiennes. Excelente romance histórico!

    ResponderExcluir
  6. Já ouvi falar do livro, não vi o filme '-'
    Depois dessa indicação, não tem como não ler.

    ResponderExcluir
  7. Não tinha ouvido falar ainda, mas parece ser muito bom.. Gostei bastante, vou procurar.. Ótima dica! bjs

    ResponderExcluir
  8. Estou tão desatualizada quanto aos filmes...preciso de tempo...rsrsrs
    Gosto muito de romances históricos e também acho que os filmes mudam um pouco com relação aos livros...
    Dica anotada!
    Bjs

    ResponderExcluir
  9. Sempre tive vontade de assistir esse filme ...mais sabe quando vc quer mais não com muita vontade? hauhauaua

    Um dia alugo e tiro minhas conclusões rs .

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras