[Resenha] Morte Súbita - J.K.Rowling (@ednovafronteira)

23/02/2013

Olá pessoal! Tudo bem?


Neste sábado, minha filha está de aniversário, 5 anos, e vou escrever sobre um livro que eu estava ansiosa pra ler e por sorte, já que a grana está curta, ganhei de presente de aniversário dia 24 de janeiro. 
Ansiosos? Eu não! (mentiiiira!!!) Tô doida pra falar sobre ele e assim que terminarem vão entender o porque.



Sinopse: "Quando Barry FairBrother morre inesperadamente aos quarenta e poucos anos, a pequena cidade de Pagford fica em estado de choque. 
A aparência idílica do vilarejo, com uma praça de paralelepípedos e uma antiga abadia, esconde uma guerra.
Ricos em guerra com os pobres, adolescentes em guerra com seus pais, esposas em guerra com os maridos, professores em guerra com os alunos… Pagford não é o que parece ser à primeira vista. 
A vaga deixada por Barry no conselho da paróquia logo se torna o catalisador para a maior guerra já vivida pelo vilarejo. Quem triunfará em uma eleição repleta de paixão, ambivalência e revelações inesperadas? Com muito humor negro, instigante e constantemente surpreendente, “The Casual Vacancy” é o primeiro livro para adultos de J.K. Rowling.



Tudo que eu mais queria, assim que eu soube que teria um livro 'adulto' da escritora que me fez chorar e voltar a me apaixonar pelos livros, era ler ele. Muita gente lendo e dizendo que era fascinante e diferente assim me deixando ainda mais ansiosa. E todo mundo sabe que quando a gente cria expectativas  seja ela qual for, quebramos a cara! Pois é. Tenho um buraco no meu peito que só não doeu porque já amadureci muito como leitora. Sei que todo autor merece uma chance de que a gente leia a história que fizeram, nem que seja pelo respeito pelo esforço... 

Minhas expectativas eram altas porque li mutos livros que não gostei em sequência. Já aconteceu com vocês? Pegar uns 6 livros seguidos que não foram suas melhores leituras? Comigo já!

Vamos aos fatos. É um livro muito intrigante, mas me fez parar algumas vezes antes de terminar de ler para ler outros livros. Quem me conhece sabe que isso só acontece quando uma história está muito difícil de digerir... Repleto de detalhes que eu já estava acostumada. J.K.R é muito boa nisso e ninguém poderá negar. Descreve tudo tão nitidamente que você realmente visualiza o que ela viu. Ela sabe contar detalhes, mesmo. Os personagens são médios pro padrão que se espera dela. Só quem acompanhou a saga HP sabe que ela pode ser melhor neste aspecto. Passagens que até levam você pela mão com a promessa de que a trama vai melhorar. Humor negro? Quem escreveu essa sinopse? Minha gata tendo ataques de corrida durante a noite tem mais humor negro do que  livro. 
Acho que este é o tipico caso que você conhece uma história muito boa de um autor e imagina que o cara será genial pra sempre. Um caso de que a propaganda vende muito mais do que o livro pode proporcionar. Um caso que mostra de que se um autor é acostumado com a linguagem de um público de certa idade só deve mudar se tiver realmente certeza do que está fazendo. Ela não fez um livro adulto. Ela fez um livro pra vender pros fanáticos por HP que cresceram e já gastaram seus livros da saga de tantas vezes que leram... 

Eu posso falar o que eu quiser. Sou fã de HP a 13 anos. Mas eu já era adulta quando li. Não tive o interesse pela leitura despertado pela obra dela. Só lê e diz que realmente gostou quem não lê muito e que cresceu criando no seu mundinho que o que ela escrever será bom, não interessa o que for.
Sou radical e digo mais: J.K.R fez isso pra se livrar de HP. Imagino que é muito frustrante não conseguir permear uma obra boa e fazer outras do gênero. Ela não tem mais filhos pequenos em casa e perdeu a mão por mudar seu público alvo. Ela tem um sucesso nas mãos. HP ainda vai lhe render muito, mesmo sem mais livros sobre ele. Até entendo que ela queira variar, sair disso, mas pra mim é como ensaiar uma peça de teatro durante um ano pra ficar perfeita, estrear e não querer mais apresentar porque enjoou...

Não darei mais detalhes sobre o livro, mas, fazer um personagem forte em um livro 'diferente' é muito difícil e se você der um nome de Barry, que lembra Harry, a vontade de ler diminui drasticamente desde as primeiras páginas, já que é impossível  pelo menos para mim, não relacionar os trabalhos. Ela fez sim um livro pros 'adultos', mas o fez para adultos que cresceram com o HP!

Vale a leitura, no mínimo que me rendeu foram boas risadas e desenvolveu ainda mais meu censo crítico com livros, já que sou fã de HP incondicional e assumo sem medo que detestei o novo livro dela. Estou lendo pra minha filha os livros dela, já que está fora daquele fuzuê todo de quando a moda era HP, ela com certeza não irá gostar deste Morte Súbita também...

Ah, uma coisa pra refletir: porque a tradução do nome do livro virou Morte Súbita? É um spoiler! Escarrado na nossa cara e que estraga tudo assim que você lê o primeiro capítulo (nem precisa ir tão longe...).

Deixo aqui meus pêsames a J.K.R, que matou subitamente a imagem que eu tinha dela com o lançamento de um livro egoísta  que vai ficar lá, na minha estante pegando poeira, sabe-se-lá até quando pois não tenho a mínima vontade de ler de novo. Vou guardar porque foi um presente dado com carinho por alguém que sabia que eu estava muito curiosa. Só.

Vou lá aproveitar a comemoração dos meus 5 anos como mãe. 
Abraços.
Até mais.



Que tal conferir também...

22 comentários

  1. Nossa, eu também tinha visto algumas resenhas recomendando o livro e creio que a maioria das pessoas realmente esteja procurando a obra por gostarem de Harry Potter. É natural que muitos autores queiram mostrar que seus livros de sucesso não foram só uma cartada de sorte, e que tem muito mais pra dar. Ou talvez tentam fugir da imagem de uma mesma obra, como se nada mais de novo pudesse ser produzido. Achei suas críticas super bacanas e ri um tiquinho na parte da gata kk bem legal sua resenha :)

    desconstruindoaspalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Dei esse livro de presente para uma amiga que é super fã dela. Ela não gostou, disse que não tem nada a ver com a escrita da autora nos outros livros. Ta a gente já sabia que não tinha nada a ver com o Harry, mas o perfil do autor tem que continuar o mesmo.

    ResponderExcluir
  3. Parabéns para sua pequena! A minha também faz cinco anos esse ano, mas em agosto. Bem, eu também estou curiosa por esse livro por conta de também ser fã de Harry Potter e tal. Mas confesso que depois de ter lido tantas resenhas, vou ler sem nenhum tipo de expectativa, porque já não estou esperando grande coisa.

    ResponderExcluir
  4. Nossa, desanimei total com esse livro :((
    mas mesmo assim ainda quero ler por curiosidade e por consideração à HP :)

    ResponderExcluir
  5. Vou ser sincera FINALMENTE alguém falando a verdade hahaha ... eu fiquei muito com o pé atrás, porque uma pessoa que escreve uma saga de sucesso e muda drasticamente de gênero e público, tem tudo para dar erro... hehehe

    Eu não queria ler esse justamente por medo de ser ruinzinho... e eu sou do tipo que se UMA opinião condiz com meus medos, é porque eu devo ouvi-los hahah
    :p

    ResponderExcluir
  6. Querida, ao contrário de você não tinha e não tenho expectativa alguma quanto a este livro. Não penso nele como um apêndice de HP e nem como o desenvolvimento de uma escrita mais adulta e intimista. Apenas quero lê-lo num futuro próximo, como um exercício de leitura, assim como acho que o foi (exercício de escrita) para Rowling. Encontrar um estilo após tanto sucesso deve ser árduo e querer fugir de personagens que ganharam vida própria, pior ainda. Então é corajoso da parte dela fazê-lo, mesmo sabendo que seu livro já estava vendido por algumas milhares de libras, mesmo antes do lançamento. Essa é a vida de um escritor e a nossa é observar se tudo está de acordo ou não. Acho que dessa vez Rowling errou a mão, mas não de todo.

    ResponderExcluir
  7. Não estreei na leitura desse gênero, mas você me fez acreditar que o livro é interessante demais para não lê-lo!

    ResponderExcluir
  8. Ganhei esse livro, mas depois de tantas resenhas desanimadoras, de ele não não ter nada de genial como HP, estou empurrando para o fim da fila porque não é uma prioridade e tenho muitos outros livros mais interessantes para passar na frente. Concordo com você quando diz que esse livro vendeu mais pelo histórico dela do que pela obra propriamente dizendo.

    ResponderExcluir
  9. Não li esse livro, e também não tenho vontade de ler, o que não tem nada a ver com minha vontade de ler HP, é isso mesmo, ainda não li HP, quero muito ler em breve, mas esse livro Morte Súbita, não me dá a mínima vontade de ler, primeiro pela sinopse que acho que não chama atenção, quer dizer, pelo menos não chamou a minha, e fora outros comentários e resenhas negativas que já vi sobre o livro. Não quero MESMO ler esse livro!

    ResponderExcluir
  10. Eu tenho um TOC: preciso ler os livros que sei que viraram/ ou virarão filmes e vice versa. Ponto.
    Por isso, eu ainda vou ler a saga de Harry Potter. Eu conheci a história pelo cinema.
    Mas quando vi que a autora ia lançar um livro adulto, pensei a mesma coisa que você: "Pronto. Mais uma jogada de mkt pra poder vender pros fãs do bruxinho que agora cresceram".
    Em time que esta ganhando, não se mexe. Vê se Dan Brown (que eu acho um gênio) muda o estilo dos livros dele?!
    Se você se dá bem com um público, por quê mudar????
    Novas crianças nascem! Dá pra voc6e criar uma nova história pra esse público e cativar-los da mesma forma que aconteceu com o público de harry Potter!
    Eu já passava esse livro. Agora então...

    ResponderExcluir
  11. Bom deste mal não morro, pq não li um HP sequer. XD
    Nem dos filmes eu gostei, apesar de curtir a temática.
    Talvez por esse quesito eu possa entender o livro de uma maneira mais positiva, só que desde o anúncio de lançamento que não dou a mínima para ele, sabe aquela questão de olhar e pensar esse vai ser um tédio? Acontece comigo.
    Triste que ela não tenha acertado a mão mantendo sua característica de escrita.

    ResponderExcluir
  12. Nossa! Pegou pesado, hein?!?! Rsrsrsrs
    Posso dizer que estava tão animado e curioso em relação a esse livro quanto você. Agora não sei mais o que pensar. Pelo menos não irei me frustrar, pois minhas expectativas de me agradar pelo livro estão quase nulas agora. Irei ler sem grandes expectativas, só assim, pode ser que saia pelo menos um pouco satisfeito, não é?!?!

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  13. The belt makes use of gel padѕ postіoned moге than thе center аbdоminals and the
    outdoors obliques.

    Mу ωeblog http://Www.Squidoo.com/flex-belt-review-and-Discount

    ResponderExcluir
  14. Tinha até ficado com curiosidade e tentada a comprar esse livro, mais agora depois da resenha acho que vou adiar esta compra e dar a prioridade a outros livros.
    Não era nenhuma fã de HP mais por causa do dele estava empolgada por este livro da autora

    ResponderExcluir
  15. TEnho muita curiosidade em ler Morte Subita, principalmente porque li apenas um livro da serie HP e sinceramente achei tão chato que n quis ler os outros. Indo na contramão, espero encontrar nesse livro algo que n encontrei no outro. Vai que acabe me apaixonado por JKR, finalmente. Bjksss

    ResponderExcluir
  16. Eu estava bem interessada no livro, depois dessa, acho que vou dar prioridade a outros mais importantes. Não li a saga de HP mais pensei que poderia ser bom ve algo diferente de Harry que a utora já tenha lançado.
    Mas valeu pela resenha, menos um q lerei!
    beijos
    http://leituradeouro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  17. Confesso que não sou fã de HP. Devo ser uma das poucas que leu o livro e odiou. Acho que só por isso esse livro já não tenha me chamado muito a atenção. Depois da sua resenha... acho que esse nem entra na minha lista.
    Bjs

    ResponderExcluir
  18. Sério que você não curtiu?
    Bom, pode ser que eu tenha gostado por não estar com tantas expectativas ou sei lá porque...rs

    ResponderExcluir
  19. Eu estou muito curiosa para ver como vai ser a série adaptada do livro que a BBC vai fazer :-)
    Bj, Aris.

    ResponderExcluir
  20. Estou absolutamente curiosa para ler este livro! J.k é uma das minha escritoras favoritas e nem preciso dizer o porque né!

    ResponderExcluir
  21. Taí um livro que não tenho a mínima vontade de ler nem por curiosidade nem por absolutamente nada. Não gosto da autora, posso dizer que tenho até uma certa birra dela, não curto Harry Potter, enfim, passo!

    ResponderExcluir
  22. Eu também comecei a ler o livro mas parei para ler outros e até agora não tenho vontade de voltar a ler. Gostei da resenha pois você foi muito sincera e olha que coincidência eu também ganhei de presente kkkk
    Parabéns pela resenha e pelo blog
    Beijos.

    http://possibilidadesinfinitasdavivis.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras