Uma Longa Viagem - Eric Lomax

17/02/2015

Um jovem inglês se voluntaria para lutar na Segunda Guerra Mundial. Ele é aficcionado por ferrovias e por rádios. De repente, em 1942, sua unidade, baseada em Cingapura, é atacada, e os japoneses acabam fazendo todos de prisioneiros. Uma das funções de Eric e seus companheiros passa a ser participar da construção da chamada ferrovia da morte, que ligaria a Tailândia à Birmânia (atual Mianmar) e custaria a vida de mais de 250 mil homens obrigados a trabalho forçado.


O primeiro contato com o livro UMA LONGA VIAGEM trouxe a surpresa da bela capa, com Colin Firth e Nicole Kidman estampados no pôster do filme homônimo. Mas esta é uma obra que certamente merece uma análise mais profunda, além dos holofotes de Hollywood.
A começar pela temática da Segunda Guerra Mundial, que por si só já carrega um peso imenso. Mas por que este relato de sobrevivência e coragem tornou-se Best seller em mais de 20 países?

Escrito pelo escocês Eric Lomax, esta aclamada autobiografia traz os relatos de um apaixonado por ferrovias e rádios, que se alista para lutar na Segunda Grande Guerra Mundial. Feito prisioneiro pelos Japoneses, ele luta para sobreviver em meio a um conflito sem precedentes na história do mundo.

Enfrentando ódio, tortura e toda sorte de problemas, Eric Lomax expõe sua vida em detalhes no antes, durante e após a grande guerra. (Para mim, em especial, o último capítulo do livro foi o mais intenso, ao abordar os traumas sofridos no pós Guerra. A questão da vingança e do perdão tornam-se intensos e tão presentes, que tive vontade de assistir também ao filme para reviver essa história em detalhes...)

O lado negativo da obra, publicada no Brasil pela Editora Planeta, fica por conta da diagramação: Com 12 longos capítulos divididos em 267 páginas, a leitura torna-se cansativa para os leitores mais impacientes, necessitando de uma melhor divisão em seu espaço interno para uma leitura mais agradável.

Além do texto, o livro conta somente com um mapa ilustrado da “ferrovia da morte”, que custou a vida de mais de 250 mil homens. Uma sessão de fotos anexas também seria bem recebida na obra, que não conta com anexos e fotos para informar os leitores.


Como o próprio nome diz, este livro é UMA LONGA VIAGEM, que necessita ser feita com calma e paciência, apreciando a paisagem e sentindo as fortes emoções do caminho.
Um livro que merece ser lido por quem ama história, e compartilha a visão de que a nenhuma guerra traz vencedores, somente perdedores e sequelas terríveis para todos os seres humanos.

Por Ricardo Brandes / Escritor
P.s. O autor faleceu aos 93 anos sem ver a estreia do filme sobre sua vida, protagonizado por Colin Firth e Nicole Kidman.

Sou a Fabi.... blogueira, escritora e eterna sonhadora!

Que tal conferir também...

19 comentários

  1. Olá Ricardo!
    Eu não sou grande fã de História e muito menos de qualquer coisa que se passe nessas épocas de Guerra. Por isso o livro não me atraiu nem um pouco.
    Mas adorei a capa!

    Abraços
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Ricardo, gostei da história, mas pelo lado dos capitulos serem tão extensos, tira um pouco da vontade, pois na correria do dia a dia, um capitulo enorme não faz bem... mas gostei da história que realmente tem tudo a ver com o nome do livro!


    Beijos!
    jeehsts.wordpress.com

    ResponderExcluir
  3. Capítulos longos realmente tiram um pouco o ânimo para ler, especial quando a história é densa, como parece ser o caso desse livro em especial. Mas acredito ser uma história incrível, que eu espero ter a oportunidade de ler um dia. Bjs

    ResponderExcluir
  4. Oi!
    Adorei a foto do gatinho!! *----*
    Ah, prefiro capítulos longos com um bom conteúdo do que capítulos curtos que não dizem muita coisa. Não conhecia nem o livro, nem o filme, mas adoro a Nicole e isso já me dá vontade de ver o filme, se eu gostar do filme, corro atrás do livro.
    Parabéns por sua resenha!

    Beijos!

    http://lumartinho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Ricardo, parabéns pela sua resenha! Preciso ler esse livro, adoro história que se passam na época da Segunda Guerra Mundial, ainda mais se é uma autobiografia, deixa tudo melhor :D

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  6. Parabéns meu amor pela ótima resenha. .. Não é meu tipo de livro, mas me interessei pela história. Tbm não gosto de capítulos muito longos.

    ResponderExcluir
  7. Olá pessoal! Minha dica: Li o livro e adorei a mensagem final de paz, perdão e reconciliação que a obra deixa aos leitores. Depois assisti ao filme, e não gostei das grandes alterações e mudanças em relação ao livro... O filme só valeu mesmo pelo extra nos créditos finais, com uma foto original do autor e seu algoz da guerra... Ricardo Brandes

    ResponderExcluir
  8. Olá! Adorei a resenha e a foto do gato (ou gata?). Como sou viciada em livros históricos e que possuem a Segunda Guerra como um personagem macabro, creio que vou amar essa leitura. Só não gosto muito quando colocam a capa do poster do filme no livro, mas parece que isso agora virou moda. Coloquei na minha lista.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Olá, Ricardo.
    Eu não curto muito esse tipo de livro, o gênero em si não me agrada, mas gostei da sua resenha e para quem gosta de história e similares deve ser muito boa.

    http://lisos-somos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Ricardo!
    Não conhecia esse livro, mas fiquei curiosa porque esse estilo me atrai muito, afinal sou historiadora. Aliás é difícil eu não gostar de uma obra que tenha a Segunda Guerra Mundial como pano de fundo.

    B-jusss! ♥
    http://www.quemlesabeporque.com/

    ResponderExcluir
  11. Ainda não conhecia o livro, aprece ser bem legal. Gostei bastante da resenha!
    Beijos,
    Vivendo De Devaneios

    ResponderExcluir
  12. Olá
    Não gosto de livros sobre o tema.
    Ainda com capítulos longos sei que iria largar logo.
    Acho que pra ler ele teria que ler com muita calma.
    Acho que o filme deve ser bem melhor!

    http://malucaspor-romances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Bem livros deste tipo não me chamam muito atenção. Mas a história é realmente fascinante! Assistirei o filme me breve!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Olha, sempre gostei de história, mas nunca li livros com temas históricos. Ah uns dias assisti O Jogo da Imitação que é um filme que retrata a Segunda Guerra Mundial e simplesmente adorei, e fiquei muito ligada no tema. Nesse momento esse é um livro que eu leria sim, e apreciaria cada página.

    ResponderExcluir
  15. Amo história mas acho que não ia gostar de ler esse livro rs
    A capa é muito bonita!

    ResponderExcluir
  16. Eu estou com muita vontade de ler esse livro. A história dele parece ser ótima, e eu adoro história, só é uma pena que a diagramação não esteja muito boa :/
    Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Ricardo!
    Gosto demais de livros ambientados durante as guerras e aqui como é uma autobiografia, tudo fica mais verídico, mais verdadeiro porque é o parecer de alguém que viver realmente todos os fatos da guerra.
    Gostaria de apreciar a leitura.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  18. Olá Ricardo!
    Eu sempre gostei do tema na época que estudava, ficava animadíssima quando tinha alguma pesquisa.
    Confesso que não conhecia a obra e após ler sua resenha fiquei com vontade.

    Obs: A foto do gatinho ficou linda! Amo Gatos ;)

    Beijinhos

    http://paraisodasideas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Olha eu nunca ouvi falar desse livro, mas eu achei a história muito linda.
    Espero ter a oportunidade de ler e gostar bastante, pois adoro coisas tocantes, ainda mais quando envolve romance que eu amodoro xD
    Parabéns pela sua escrita, porque você sempre esta me surpreendendo viu?
    Sucesso sempre com o seu cantinho, porque tu merece linda

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras