True – Erin McCarthy

18/02/2015

true capaQuando as colegas de quarto de Rory descobrem que a tímida e estudiosa garota nunca passou uma noite com um homem, decidem que vão ajudá-la a perder a virgindade contratando o confiante e tatuado Tyler para fazer o serviço, porém sem o conhecimento dela. Tyler sabe que não é bom o bastante para Rory. Ela é brilhante, enquanto ele está lutando para se formar na faculdade e conseguir um emprego, para, então, poder tirar seus irmãos mais novos da mãe drogada. Mas ele acaba aceitando a proposta, pelo menos como uma oportunidade de conhecer Rory melhor. Há algo nela que o intriga e o faz querer ficar por perto — mesmo sabendo que não deveria.
Divididos entre o bom senso e o desejo, os dois se veem envolvidos em uma relação apaixonada. Mas, quando a família desajustada de Tyler ameaça destruir seu futuro — assim como o dela —, Rory precisa decidir se vai cortar os laços com o perigoso mundo do namorado ou se vai seguir seu coração, não importa o preço a pagar.

true banner

Quando vi a divulgação de True foi aquela coisa de que só a capa bastou para colocar o livro na minha lista de desejados. Aí li a sinopse e pensei... Hummm eu estou bem na onda de New Adults, então é claro que quero e preciso ler esse. Então, recebi ele da nossa parceria com o Grupo Editorial Record e devorei ele. Não consegui largar antes de chegar ao fim... E nossa!!!

True me conquistou por trazer uma mocinha que não tem dúvidas quanto a ser bonita ou não. Ela tem consciência do que é, sua dúvida é por ter zero de relacionamento social. Rory é nerd (e não tem vergonha disso) e não é uma daquelas garotas que sabe conversar casualmente com um garoto quando estão no mesmo lugar – e não por ser só tímida e tal. Ela é bem sem jeito com essas coisas já que perdeu a mãe cedo e como seu pai também não é muito da vida social, isso acabou ficando em segundo plano em sua vida. Assim, Rory é uma personagem mais lógica e até mais sincera e foi difícil ficar indiferente a ela ou ao seu jeito.

"Ele era o que as pessoas sempre me acusavam de ser: ali, mas ausente. Tranquilo, mas distante. Sorridente, mas intenso."
(pág. 22)

Tyler é muito mais do que um bad boy. Não que ele não seja um, mas ele me lembrou um pouco o Lucas (de Easy), principalmente pelo jeito que somos apresentados a ele. Não que a Rory estava em uma situação como a Jac, mas ela disse não e o cara tenta continuar, enfim... E Tyler tem um senso de certo e errado muito bem definido, assim como o Lucas. Mas eu não quero fazer comparações, pois elas terminar por ai. E mais, Tyler é muito mais que apenas um bad boy tatuado, ele é um cara que está se esforçando para melhorar sua vida e a dos irmãos mais novos já que não dá para contar em nada com sua mãe.

"- O que você está fazendo?
- Estou planejando te beijar. Se você não se importar.
- Eu ainda não decidi - respondi com sinceridade (...)
- Rory, você me mata de verdade. Não conheço nenhuma outra garota que teria respondido desse jeito.
Nem me fale.
- Desculpa. Mas é verdade.
- Não quero que você se desculpe. Eu gosto disso em você."
(Pág. 70)

Por isso, quando Rory descobre que ele aceitou sair com ela (para tirar sua virgindade) por causa de uma proposta de suas amigas de quarto, ela acha que algo não está certo, que ele não é exatamente esse tipo de cara e, por não conseguir realmente se afastar dele, resolve dar um pouco mais de corda e descobrir quem é o verdadeiro Tyler. E eu digo queridos leitores, o verdadeiro Tyler é um ótimo personagem. Com um coração de ouro que se preocupa em defender todos os que ama, Tyler me ganhou mesmo nos momentos em que faz coisas erradas achando que é o mais certo.

"Eu queria que ele percebesse que eu o entendia, que eu o achava incrível pelo modo como ele lidava com a própria vida. Que o fato de ele ainda encontrar motivos para sorrir e brincar era a prova de sua verdadeira natureza, que seu desejo de cuidar dos irmãos falava muito sobre seu caráter."
(pág. 107-108)

Outro ponto super positivo é que não tem aquela coisa de amor verdadeiro só de olhar. Existe atração entre os dois, mas o relacionamento deles não gira só em torno disso. Existe aquela coisa de os dois quererem conhecer melhor quem está ao seu lado, os dois verem além do que as primeiras impressões. E os dois acabam tendo um relacionamento que acontece através de uma conexão real entre eles.

"- Sabe por que a gente se dá bem, Rory?
- Por quê? - Isso podia ser muito, muito interessante. Ou podia não ser nada. Eu esperei, tensa, querendo ouvir suas ideias.
- Porque nós dois vemos além do que as outras pessoas veem na gente. Nós dois sabemos que, às vezes, as melhores coisas estão debaixo da superfície. Quando eu olho para você, vejo uma mulher fantasticamente inteligente, divertida, generosa e linda. Sabia disso?
- Não - sussurrei, emocionada.
- É verdade.
(Pág. 158)

A série “True Believers” conta com quatro livros e cada um dos próximos três trará a história de uma das amigas de Rory e fiquei super feliz e empolgada para ler o segundo que será com a Jessica e pela sinopse confirma minhas suspeitas – quero ele logo, por favor Verus!!!! Ah, e antes que eu esqueça, quero agradecer a Editora Record pelo envio do livro, que conta com uma bela diagramação e que não me lembro de ter encontrado erros de revisão. Além claro de agradecer por me deixar surtando com o marcador lindo que veio dentro dele (tipo, uma raridade que nem sabia que existia). Obrigada!



E já que eu falei da série, gostei da interação dos protagonistas com os personagens secundários. Não temos uma história toda centrada no casal onde os amigos estão ali só em parte em algumas cenas. Existe um vínculo entre todos e isso faz com que a gente queira saber mais das amigas da Rory e isso cria uma ótima ponte para o próximo livro. É aquela coisa que embora os dois protagonistas não sejam os principais do próximo livro, vai fazer muito mais sentido ler em ordem já que as vidas dos personagens se entrelaçam e que você conhece vários pontos deles já nesse primeiro livro.

"(...) Eu queria morrer. Eu entregaria meu corpo à ciência, e eles poderiam estudar os efeitos da cerveja barata em alunos socialmente desajustados do segundo ano.
- Quer alguma coisa? - Jessica perguntou.
- Uma arma pra me dar um tiro."
(pág. 25)

Tudo bem que eu não sou a mais indicada para recomendar New Adults (eu amo o gênero, mesmo com todos os seus momentos clichês e seus cenários parecidos, coisas que fazem alguns leitores não curtirem o estilo ou já terem se cansado do mesmo). Acontece que Erin McCarthy me fez rir, me emocionar, torcer por um casal que se completa de forma apaixonante. Me fez ficar revoltada em como a vida muitas vezes nos colocam diante de escolhas complicadas e injustas, em como às vezes temos que assumir o risco de nossas escolhas – e como faremos isso, e também que em alguns momentos temos apenas que seguir adiante. Com personagens verdadeiros e com problemas reais, a leitura é envolvente e viciante. Eu só consegui largar o livro quando cheguei na última página.

Por falar em última página – e só para constar que o livro não é somente elogios – eu senti falta de um epílogo no final. Quer dizer, algumas coisas se resolvem mas fica meio que no ar um “e agora?”. A princípio não tem um segundo livro com Rory e Tyler, então eu espero que eles apareçam no próximo e que essa minha dúvida esteja respondida lá. Mesmo assim, não posso dizer que não gostei do final. Eu gostei de como tudo se resolveu – mesmo tendo aqueles momentos um pouco fáceis e rápidos demais, e gostei mais ainda do significado do título. True não foi apenas mais uma leitura e sim mais um NA que entra para a minha lista de queridinhos e de super recomendado para os fãs do gênero.licavargas

Romântica incurável com um toque de Drama Queen. Sonhadora, teimosa e viciada em livros, afinal, se você não pode cair no mundo, viva através dos personagens! Criadora do blog Amores e Livros, ainda acredita que um dia será paga para ler! Facebook / Twitter / Instagram

Que tal conferir também...

37 comentários

  1. Eu até leria esse livro se ganhasse ele ou conseguisse emprestado, mas comprar não vou. Acho o enredo mais do mesmo. Parece que já li esse livro ou já assisti um filme com essa história.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  2. Eu não queria mais comprar New Adult, prometi que não iria comprar... mas agora depois dessa resenha vou quebrar promessa. Aline Vargas você me desvirtuou.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Patiiiiii
      é só a humilde opinião de uma iniciante em NA.... tem gente que achou mais do mesmo, mas eu realmente me encantei com a história 😍😍😍
      Beijinhos,
      Lica

      Excluir
  3. Olha, esse livo ainda não tinha me chamado atenção até ler essa resenha. Adorei Easy e o Lucas. Não tem como não se apaixonar por ele. E como você disse que há alguma semelhanças, mesmo que elas sejam poucas, já sei que preciso ler. A capa está linda mesmo.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Confesso que o começo me lembrou Belo Desastre, mas a Rory é diferente da Abby
    eu gostei muito dessa sua resenha, viu? Fiquei interessada em ler :D
    Vou marcar no skoob ;)
    ja aproveitei para seguir o blog!
    Um beijo!
    Pâm - www.interruptedreamer.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Lica, obrigada pela visita lá no Doces.
    Eu adoro este gênero. Sempre me encanto com suas histórias. Mesmo que contenham algum clichê, ou cenários parecidos, cada autora tem seu jeito único de nos enredar em sua história.
    Adorei sua resenha e já estou colocando o livro em minha lista de futuras aquisições.
    Bjus
    Lia Christo
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  6. Oi Lica!
    Eu já vi muitas resenhas positivas sobre o primeiro livro, e apesar de parecer bem legal, eu tenho a sensação de que falta algo a mais na história, entende? Mas ainda sim pretendo ler esses livros.
    Adorei sua resenha!

    Beijos
    http://ummundochamadolivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gustavo...
      True é o primeiro livro da série... Acho que vc fez confusão por causa da foto com o marcador de Breakable que é o segundo de Easy....rs

      Excluir
  7. Lica, eu tive a mesma sensação que você.
    A capa já me deixou louca e a sinopse só fez aumentar a vontade.
    Infelizmente ainda não tenho o livro, mas sua resenha aumentou um pouquinho mais minha vontade.
    Estou surtando querendo esse livro.

    http://lisos-somos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Fiquei superinteressada. Livros que mexem com os sentimentos da gente são sempre os melhores. Beijo Lica!

    ResponderExcluir
  9. Como você disse, tem quem não goste desse estilo, e eu sou dessas, mas não porque me cansei, é mais falta de afinidade mesmo. Mas gostei bastante da resenha. Bjs

    ResponderExcluir
  10. Essa capa é demais, né?
    Eu tenho bastante afinidade com este gênero, confesso que adoro, e sua resenha me deixou bem instigada a conhecer mais esta obra. Pretendo adquirí-lo em breve e espero ter impressões tão boas quanto você teve!

    Beijos,
    Caroline, do http://www.criticandoporai.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi Lica!
    Estou louca para ler esse livro, tanto que ele vai pular toda a fila de espera, rsrs.

    B-jussss! ♥
    http://www.quemlesabeporque.com/

    ResponderExcluir
  12. Oi Lica, tudo bem?!
    Nossa, e não aguento mais livros de mocinhas inocentes com bad boys malvados que na verdade tem coração de ouro!! U_U
    Nada contra a sua resenha que está maravilhosa e conseguiu me passar muita coisa do livro, parabéns, mas eu não leria essa série T_T
    Queria tanto amar esses livros, porque tem tantos deles ultimamente que eu JAMAIS ficaria sem livros, mas não consigoooo!
    Beijos!

    http://lumartinho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por um lado você tem uma certa sorte em não gostar Lu... Ao menos você não aumenta a pilha de desejados umas dez vezes na semana hahahahahaha
      Eu ainda não cansei, mas não duvido que isso aconteça uma hora (demorou mas eu consegui ficar cansada de vampiros....kkkkk)

      Bjos
      Lica

      Excluir
  13. É a primeira vez que ouço falar do livro e ele me conquistou. Adoro tudo que envolva amor. :3 obrigada pela indicação.

    Inquietudes Secretas

    ResponderExcluir
  14. Oi Lica, tudo bem?
    Deixa eu adivinhar que ela foi pelo coração? kkk

    Olha eu sendo BEM sincera, estou correndo de romance tanto com livros e na vida real, então não leria ele por esse motivo, mas gostei do que escreveu e das notas...


    Beeijos!
    jeehsts.wordpress.com

    ResponderExcluir
  15. Oi Lica, tudo bem?
    Gostei bastante da sua resenha, mas infelizmente o livro não me atraiu tanto. Não gosto muito de romance, prefiro fantasia rs. Bjus!!!
    http://lendoaestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Olha eu gostei bastante da sua resenha em relação a história, mas eu ainda não li nem o primeiro livro sabia? Eu tenho ele aqui em minha estante, mas assim que tiver chance e ler, com certeza irei adquirir o segundo, porque gosto de ter uma sequência para não ficar curiosa depois =x Mas eu amei a sua resenha. Sua postagem ficou muito caprichada e tenho que te dar os parabéns por isso =]

    Enfim...Se cuida linda e fica com Deus

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Silvana, esse é o primeiro livro :)
      Acho que vc fez confusão por causa da foto com o marcador de Breakable que é o segundo de Easy.... e sim, eles tem o mesmo estilo, mas com suas diferenças....

      Excluir
  17. Olá Lica, como vai???
    Eu já estava de olho nesse livro, acredita? Mas eu enrolava para comprar, acho que é um pouco de medo. Obrigada pela dica, eu irei anotá-la aqui. Gosto bastante desse gênero, mesmo não tendo idade para ler, rs Mas isso não justifica nada! Parabéns pela postagem, adorei a resenha.
    Beijos,

    http://our-constellations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Lica!
    Pelo visto gostou mesmo do livro, afinal, sua análise foi bem detalhada e extensa... Ótima!
    Gosto de livros onde há conquista e o que aparenta ser, depois se desfaz.Como Tyler que no início era bad boy e passa a mudar e se tornar uma pessoa melhor, deve ser um fofo!
    E como adoro NA, claro que já coloquei aqui na minha lista de desejados.
    Que o final de semana seja carregadinho de muita tranqüilidade!
    Cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. A história tem tudo pra ser ótima. Um cara super bad boy e cheio de si e uma personagem tímida e bobinha. E que amigas, hein? Gostei delas. Rsrsrs Agora estou curiosa pra saber como vai terminar. Espero que esses dois fiquem juntos. Adorei conhecer a história através de sua resenha. Fiquei encantada.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  20. Eu realmente amo esse livro, sou uma leitora facil de se ganhar mas a verdade é que esse livro me conquistou! Ganhei de uma amiga faz um tempo e na mesma semana terminei de lê-lo, até porque quando começo um livro não consigo parar de ler até terminar! Recomendo
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  21. OK, vou admitir que só li a parte inicial da resenha, até a parte da comparação com o Lucas, o fato é, eu estou tentando não ler nada sobre esse livro, até que eu o compre. Ele tem tudo pra fazer eu me apaixonar pelo Tyler, pra fazer eu querer reler e reler exatamente como foi com Belo Desastre. Eu fui na livraria essa semana e vi ele, mas não comprei porque queria ver se pela internet o preço estava mais em conta, mas não, vou voltar lá e comprar! Essa parte de badboy tatuado já me deixou super afim de ler, ainda mais em ver que ele é um badboy do bem, tipo, faz de tudo pelos irmão e tal.

    ResponderExcluir
  22. Não preciso dizer que amei a resenha. O melhor é saber que parece com Easy que eu tanto amo e toda vez que leio algo vejo as comparações. Louca pra ler :D

    ResponderExcluir
  23. Eu também amo NA, e com certeza estou doida pra ler esse livro! Ele parece ser perfeito. E já amei saber que não tem amor a primeira vista. Os personagens também parecem ótimos, e estou doida pra conhecer a história toda.
    Amei esse marcador de Breakable e nem sabia que existia também hahaha
    Beijos!

    ResponderExcluir
  24. Tinha acabado de ler uma resenha desse livro em outro blog, o que me deixou ainda mais ansiosa e necessitada desse livro, adoro NA.

    BEIJOS

    http://paraisodasideas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  25. Oiee.
    "Sem or" sou loucamente apaixonada por bad boys e vem você e me apresenta esse só pra eu ter que ler o livro.
    Esses momentos de fofura de um bad boy são aqueles que nos fazem sorrir de orelha a orelha, já sei que vou me apaixonar pelo Tyler. Soube que ele tem um lance bem família, o que me encantou mais ainda.
    Legal também a Rory não ser aquela personagem cheia de neuras em relação a sua beleza, o fato dela ser desencanada com isso só a fez ganhar pontos comigo.
    Não sabia que era uma série...mas vamos lá!

    ResponderExcluir
  26. Estou curiosa com esse livro pois ja vi diversas pessoas comentando a respeito e eu ainda nao pude ler, gostei da historia parece ser uma boa. Espero poder ler logo, gostei da capa tambem!

    ResponderExcluir
  27. Oi, tudo bom?
    Amei a resenha, nossa eu estou mega curiosa para ler o livro, parece ser muito bom e sou apaixonada pelo gênero, espero poder ler em breve e que a leitura me prenda, e me agrade.
    Beijos *-*

    ResponderExcluir
  28. Já estava bastante interessada em ler esse livro só pela sinopse, e agora depois de ver essa resenha fiquei ainda mais ansiosa em conferi essa história que parece ser ótima.

    ResponderExcluir
  29. Já estava bastante interessada em ler esse livro só pela sinopse, e agora depois de ver essa resenha fiquei ainda mais ansiosa em conferi essa história que parece ser ótima.

    ResponderExcluir
  30. Olá, eu gostei do livro, achei interessante, mas o final é só isso? Fiquei frustrada aguardando uma resoluçao que pelo visto nao vem. Mas no geral é q!!


    ResponderExcluir
  31. Oi, Lica! Tudo bem?
    Terminei agora a pouco a leitura de True e, como fiquei ansiosa para ler o livro 2, comecei a buscar informações sobre a série (foi assim que me deparei com a sua resenha). Preciso dizer que tive exatamente a mesma impressão que você no que se refere à similaridade entre Tyler e Lucas, de Easy - que havia sido a minha leitura anterior. Em resumo, amei a sua resenha! É também estou super curiosa para saber como o restante da série será desenvolvida. Os personagens secundários são fantásticos! E eu simplesmente amo os irmãos do Tyler! É ótimo saber que eles ainda estarão bem presentes no próximo livro, já que o protagonista será o Ryler.
    Beijinhos, flor!
    Ps: Adorei conhecer o seu blog!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras