O Estranho: Apenas uma Noite Parte I – Kyra Davis

09/12/2014

O estranhoKasie Fitzgerald sabe quem deve ser. Responsável. Confiável. Previsível. Ela é uma ambiciosa workaholic, fiel ao homem com quem pretende se casar. Mas uma noite selvagem e impulsiva, em Las Vegas, vai despertá-la para novas experiências... Tentando a sorte em uma mesa de vinte e um, Kasie conhece ele.
Intenso. Sensual. Perigoso. Ela aceita seu convite para um drinque... e depois para o quarto. Ela não sabe o nome dele. Mas nunca vai se esquecer do sexo. Forte. Excitante. Explosivo.
Então, quando aquele homem misterioso aparece inesperadamente em sua empresa, ela se entrega ao domínio dele, tanto na cama quanto no trabalho. Não há como prever aonde o rico e poderoso Robert Dade vai levá-la. Mas também não há como resistir aos seus desejos. A única questão é quem Kasie será, quando a jornada chegar ao fim.

10629817_10152255539256050_2407550752324816318_n

Quando vi a divulgação de O Estranho logo me interessei. Eu gosto dos sexysellers então era uma grande possibilidade ele entrar na lista de leituras. Comprei ele logo que vi na livraria, mas só fui ler uns dias atrás... Sorte a minha!

Sim... Já vou logo começar dizendo algo que eu não sabia e que me deixou doida com o final. O livro termina em “clif”. Exatamente te deixando sem saber o que vai vir a seguir. Claro que isso era de se esperar já que no próprio título sugere algo assim... Mas eu achei que seria um final do tipo ‘e agora?’ e não do tipo ‘tá certo que acaba nessa linha?’

image

Tirando isso... Eu adorei o livro. A narrativa é envolvente e foi super gostoso de ler, mas vale ressaltar que eu não sou a favor de traição sem justificativa – acho que nem com justificativa mas isso é ficção né? Então isso pode ser um fato que influencie na sua leitura.

“Nunca fiquei com alguém apenas por uma noite. Eu sou estudiosa. Sou a garota com quem todos podem contar por sua coerência sólida e solene.
Menos esta noite. Hoje sou a garota que vai dormir com um estranho.” (pág. 18)

Kasie é toda correta, aquele tipo de garota que se formou em uma boa universidade, está em um super emprego e tem um relacionamento estável de seis anos. E ai, quando ela meio que fica noiva – o pedido não aconteceu mas seu namorado fala sobre eles comprarem o anel – sua amiga diz que ela deveria se libertar, ao menos um dia na vida. Elas vão para Las Vegas passar uma noite e sua amiga sugere que ela deveria dormir com um estranho, enquanto ainda é solteira e pode fazer uma loucura ao menos uma vez na vida. E não é que a Kasie aceita a ideia da amiga...

“E ele pode fazer o que quiser comigo porque o que ele deseja fazer é aquilo que quero que seja feito.” (pág. 111)

Só que é claro que ela não iria encontrar qualquer estranho... Se fosse assim, teríamos um conto e não uma possibilidade de três livros. Sr. Dade logo na primeira cena já chama a atenção... E a cada momento que ele aparece eu queria saber mais e mais dele. Sabe aqueles livros que a gente gostaria de ver contato por outro ponto? Não digo que a autora deveria seguir a série e contar novamente a história do ponto de vista de Dade, mas eu gostaria de conhecer mais dele a cada página e ele é o responsável por eu gostar do livro.

“Ele tem a aspereza de Jimi Hendrix, o mistério assustador de Pink Floyd e a elegância moderna de The Doors.” (pág. 152)

Um ponto negativo... Só para dizer que tem alguma coisa de ruim é o fato do noivo da Kasie poderia ser um pouco melhor... Quer dizer, logo de cara já sabemos que ele é um cara que gosta de conforto até demais. Nada contra gostar de conforto, mas ele beira ao monótono. O relacionamento dele e de Kasie parece pior do que daqueles casais de 80 anos que só fazem as mesmas coisas – em todos os sentidos.

image

Para quem curte romances eróticos é uma ótima dica e quem quer se aventurar no estilo posso dizer que ele é até bem leve na parte erótica. Não é o tipo de livro que tem uma grande trama ou uma grande questão. Algumas coisas são bem previsíveis e outras uma constante nesse estilo de leitura. Mesmo assim, Kyra me conquistou e me deixou querendo ler os próximos livros não só por querer saber o que vem por ai, mas também por gostar do modo que ela está contando essa história.

O livro é curto, tem apenas 196 páginas e a diagramação está bem bacana. Sabe aquelas leituras que você pensa em começar e logo em seguida termina? Foi assim para mim e eu queria muito já ter os outros dois para ler logo em seguida. O legal é que já mês que vem a Suma lança Exposta – segunda parte da trilogia Apenas uma Noite. E por isso que disse ali em cima que foi sorte eu ter lido só agora... Assim não espero muito para ler a continuação e saber o que realmente acontece na próxima linha.licavargas

Romântica incurável com um toque de Drama Queen. Sonhadora, teimosa e viciada em livros, afinal, se você não pode cair no mundo, viva através dos personagens! Criadora do blog Amores e Livros, ainda acredita que um dia será paga para ler! Facebook / Twitter / Instagram

Que tal conferir também...

6 comentários

  1. Oi
    Estou interessada nesse livro já tem um tempinho, mas sempre acabo não comprando ele por ficar na dúvida se é bom ou não... Agora depois de ler a sua resenha, fiquei empolgada e vou ler

    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  2. Gosto de livros como esse. O que me incomoda muito é que a trama não tenha um fim. Obrigatoriamente ( se gostarmos da estória ), temos que esperar ansiosamente o segundo livro.
    Bem... Por sorte o segundo,se não me engano já foi lançado. :)

    ResponderExcluir
  3. Oi Lica, esta é a segunda resenha que leio deste livro e me deixou ainda mais interessada nele.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  4. Como você eu também adoro esses sexysellers - amei essa palavra, vou usar sempre, rsrsrs - e já tinha visto O Estranho antes, mas acho que não tinha visto uma resenha, ou algo sobre ele, mas como esses livros são sempre parecidos ou pelo menos na maioria das vezes as tramas se desenvolvem praticamente da mesma forma, eu já sabia mais ou menos odo que se tratava, e lendo a resenha fiquei querendo ler ele, ainda não bateu aquela vontade louca de correr e comprar, ou de ficar sonhando com o Sr. Dade, mas fiquei curiosa só pelo fato de você ter ficado também com o próximo livro.

    ResponderExcluir
  5. Não sou santo, mas se tem uma coisa que não suporto é traição. Então só posso dizer que esse livro não me agradou muito não. Principalmente porquê o quase noivo dela não é um FDP. Que mancada que essa Kasie deu, hein?!?!

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  6. Oi! Se não fosse pela sua resenha eu nunca iria dizer que esse livro tem algo com erotismo. Confesso que isso acabou me conquistando. Hoje em dia livros do gênero estão tão previsíveis já na capa que eu desanimo em começar a ler :\
    Pela quantidade de páginas parece ser meio desnecessário ter uma trilogia, né? Ou poderia deixar como duologia, dependendo das páginas dos próximos livros. Enfim \=
    Traição é um assunto muito delicado, mas gostei que foge um pouco dessa coisa de TODA protagonista ser a santa virgem e nunca fazer nada que quer.

    Beijos.
    Blog Cantar Em Verso

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras