Delenda e o Vale dos Segredos - Amanda Reznor

08/11/2015


Vale dos Segredos é um lugar. Tão real quanto eu ou você e o que habita o nosso imaginário. E, como todo lugar, preserva as digitais dos séculos que o tempo em vão tenta apagar. Mas elas, como impressões virtuais refletidas num ponto qualquer do universo, perseveram. Delenda é uma dessas histórias que rega o Vale. Cláudia Blaise é uma garota quase comum: vive com sua avó em um bairro nobre, sustentada por uma gorda pensão deixada por seu avô. A única coisa que a difere de seus colegas da faculdade é que ela não conhece a mãe, que sumiu após o parto, e o pai, que foi assassinado no mesmo dia em que ela nasceu. No seu décimo oitavo aniversário, porém, uma surpresa está para alterar todo o rumo de sua vida. Mas o que vem disfarçado de um presente tentador pode ser, na verdade, uma cilada de encantos, mistério e morte... Será que ela descobrirá os importantes enigmas do Vale dos Segredos e, mais importante, saberá como escapar desse terrível labirinto? Viaje em um mundo no qual superstição e ceticismo se encontram, morte e vida dão as mãos, espelho e reflexo dançam. O Vale esconde muitos segredos e você está prestes a desvendar alguns deles, junto à jovem protagonista Cláudia, que estará tão perdida quanto o leitor, num ambiente hostil e entre pessoas estranhas. Suspire, reflita, sofra – ao final de tudo, você verá, a profecia pode se mostrar mais real do que a ficção... 

*******

Medo, grandes mistérios e segredos embalam o livro de Amanda Reznor.

Publicado pelo selo Madrasteen, Delenda e o vale dos segredos é voltado ao público jovem e traz uma história de mistérios e profecias do vale dos segredos, um universo particular criado pela autora, onde muitas coisas acabam acontecendo (Se você estiver disposto a abrir seu coração e ouvir).

A obra traz mapas da mansão presente na história, ilustrações na abertura dos capítulos e é bastante adequado a proposta do público teen. As fontes são agradáveis para a leitura, e a Editora Madras realizou um belo trabalho na editoração da obra.

Ao começar a ler o livro, logo na capa percebi a figura do espelho e do clima sobrenatural, com um mundo sombrio, cheio de feitiços,  encantos e profecias. Gosto de histórias sobrenaturais e de fantasias, então decidi ir adiante no Vale dos Segredos.

Os capítulos do livro tem bom tamanho, sem serem extensos demais, mas achei a linguagem da autora rebuscada e confusa. Devido a proposta da criação deste mundo particular do Vale dos Segredos, o roteiro parece confuso até o leitor entrar de vez na ideia da obra (O que não foi meu caso... Fiquei confuso durante todo o livro, e não consegui entrar de cabeça na proposta da autora.)

Muitos enigmas, espelhos e profecias, ervas de proteção,  alinhamento de planetas e energia das pedras são temas presentes nesta história. Na minha opinião de leitor, não me agradei com o estilo da autora e seu modo de escrita, mas a proposta do livro pode ser bem explicado ao final da obra, nas considerações finais, onde o leitor encontra ainda trechos do futuro volume da série “Vale dos segredos”


“Só agora terminei de escrever meu primeiro livro solo, Delenda. E não que ele tenha ficado perfeito – longe disso. Mas acredito que consegui alcançar meu propósito, a mensagem que eu pretendo repassar – e isso me basta.

Sou a Fabi.... blogueira, escritora e eterna sonhadora!

Que tal conferir também...

24 comentários

  1. Parece otimo esse livro.
    tambem gosto de historias assim, sobrenatural. xD

    Beijos
    http://makeetcs.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Suspense, ação, mistério e muito medo são elementos que já me ganham num livro. Tenho certeza que me encantaria por esse.
    Já quero!

    Participe do Top Comentarista e escolha o livro que você deseja ganhar.
    Revelando Sentimentos

    ResponderExcluir
  3. Oi,
    Parabéns pela resenha, gosto muito de obras dos gêneros e uma só com todos é muito bom, irei procurar saber mais sobre.
    bju's Ju
    Visite: Nossa Estante Nacional

    ResponderExcluir
  4. Olá. Parabéns pela resenha!
    Gosto muito se livros nesse estilo, acho incrível quando um autor consegue criar um mundo totalmente diferente do que estamos acostumados, mas acho que são poucos os que conseguem fazer isso de forma clara e que nos prenda. Acho que foi isso que aconteceu com vc nesse livro, ne?!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá lívia! Cada leitor se adapta (ou não) ao livro de uma forma diferente... Eu não consegui entrar na história e no universo de Delenda, e por isso senti dificuldade em acompanhar a obra. Mas, para quem se identificar com os personagens e acontecimentos, o livro pode embalar e agradar... Ric Brandes

      Excluir
  5. Parece ótimo!!!

    Adoro o estilo...amo sobrenatural, e obviamente anotei a dica correndo. Não perco uma dica de fantasia!!!!

    ótima resenha!!

    bjs

    Eu Pratico Livroterapia

    ResponderExcluir
  6. Oi,
    Adoro livros de fantasia, mas ultimamente nenhum tem me empolgado. Vou anotar a dica!
    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  7. É muito ruim quando a trama é boa, mas a escrita não agrada né? Sofro quando isso acontece, rsrs. Adoro fantasia, então me interessei muito pela obra. Só espero não ter esse problema também, rsrs.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  8. Olá... Tudo bem??
    Que pena que a leitura não fluiu também pra você e ficou confuso com a história... eu não li o livro, mas pretendo... achei a proposta da autora bem interessante... li outras resenhas inclusive de minha resenhista... que amou a leitura... essa escrita um pouco rebuscada as vezes confunde mesmo.... é questão de adaptação... mas ai tem que ler outros livros que o mesmo tipo de escrita... espero que quando sair a continuação fique mais prático pra você... Xero!!


    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Diana, eu costumo ler livros de fantasia. Talvez só não tenha me adaptado ao estilo de escrita da autora. Isso pode dificultar o processo de leitura, mas depende de leitor pra leitor... Ah, nas considerações finais do livro, o leitor já tencontra um trecho do próximo volume da série “Vale dos segredos”! Ric Brandes

      Excluir
  9. Parece ser bem legal, apesarde você ter dito que é meio confuso, a capa é linda!
    Em livros de fantasia, o autor deve ter bastante cuidado na hora de descrever os lugares, personagens e a mitologia em si. Às vezes parece que a imagem do lugar eestá tão viva na cabeça deles que se esquecem que nós não estamos vendo também rs.
    Beijos,

    http://caindonacultura.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cassia, bem lembrado! Os autores devem ter cuidado na hora de descrever lugares e personagens, para que fique claro também para o leitor, que também está inserido na história... Talvez por isso a autora deixou um recado no livro: “Só agora terminei de escrever meu primeiro livro solo, Delenda. E não que ele tenha ficado perfeito – longe disso. Mas acredito que consegui alcançar meu propósito, a mensagem que eu pretendo repassar – e isso me basta." Ric Brandes

      Excluir
  10. não costumo gostar de livros que deixem o leitor nessa confusão, a ponto de não compreender ou se empolgar com a história... uma pena que a leitura não tenha 'rendido'... eu não leria, ainda mais por ser da madras...
    bjs

    ResponderExcluir
  11. É a primeira resenha que leio do livro e fiquei interessada na leitura, apesar de ter achado a premissa um pouco confusa! No momento não lerei, mas não descarto a possibilidade. Gostei do post! :D
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem?
    Gostei da proposta do livro, apesar desses temas sobrenaturais não me atraírem muito (sou medrosa sim haha) a ideia me parece interessante.
    é uma pena que você não tenha se prendido a estória, esse linguajar rebuscado é realmente difícil (que diga os clássicos) mas é só uma questão de prática, com o tempo o rebuscado fica quase normal rs
    Beijos
    Edna

    Dna Bookz / Fan page / Instagram  / Twitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Eu achei a linguagem do livro exageradamente rebuscada, sem necessidade de ser... Muitos livros que li tinham uma linguagem mais difícil e rebuscada, mas com propriedade... Cabe ao autor saber usar as palavras de forma que passe sua mensagem, sem cansar os leitores... Ric Brandes

      Excluir
  13. Ricardo, achei muito confuso a autora querer misturar tanta coisa de uma vez. Não acredito que seja assim que você prende o leitor.
    Mesmo assim talvez eu desse uma chance e lesse.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  14. Olá Deborah! A autora quis dar prioridade a mensagem principal, da questão do espelho/reflexo no mundo do Vale dos Segredos. Talvez por isso, não tenha se preocupado tanto com a qualidade do livro e dos personagens em si... Isso ficou claro na mensagem que ela aos leitores, no próprio livro, reconhecendo que não fez (e nem tentou fazer) um livro perfeito... Ric Brandes

    ResponderExcluir
  15. Oii, tudo bem?
    Confesso que fiquei bem curiosa com o livro. Mesmo você mencionando que não curtiu muito o estilo da autora.. as vezes não flui né? Quem sabe em algum outro momento, né?
    Eu adoro histórias sobrenaturais, que mesclam fantasia e suspense. Fiquei bem curiosa.
    Beijos
    Aline Lima - Sempre Nerd

    ResponderExcluir
  16. Olá, pessoal, tudo bem? Primeiramente, quero agradecer pela resenha do Ric, e pela sinceridade, nós autores realmente precisamos estar sempre estudando e renovando a nossa forma de escrever!

    O Delenda, como primeiro filhote, realmente tem trechos que eu atualmente vejo que poderia ter escrito de outra maneira, de forma que ficasse mais claro - na ânsia de criar um livro de qualidade, na época, eu optei por esse estilo mais rebuscado, que estou vendo não ser a melhor opção quando você está publicando literatura fantástica.

    Estou escrevendo o segundo volume neste momento (não é continuação da história do Delenda, e sim uma nova história que se passa na Montanha Média, que é ao lado da Baixa Montanha, onde se passa o Delenda), e nela haverá sim explicações de algumas coisa que ficaram em aberto no Delenda, principalmente em relação à região do Vale.

    Estou me esforçando para criar uma leitura agradável e fluida, sem atrapalhar o ritmo do leitor, espero que fique melhor que meu primeiro filhote rs

    bjssss, e até mais! =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Amanda, ficamos muito felizes com seu comentário aqui no Blog! A resenha do Delenda e o Vale dos Segredos acabou tendo uma grande repercussão entre os leitores, e seu livro também. Desde já, desejamos sucesso em seus próximos trabalhos, e esperamos poder fazer novas resenhas de seus próximos lançamentos em breve. Volte sempre ao Amores e Livros e seja sempre bem-vinda! Ricardo Brandes / Amores E Livros

      Excluir
  17. OIe, tudo bem!!
    Esse é um livro que eu quero ler por diversos motivos, mas também é um livro que não me agrada por ter tantos elementos juntos... Então, eu acabo ficando bem dividida!!
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  18. Oi!
    Quando comecei a ler a resenha já pensei: esse livro é para mim! Até chegar na parte em que você diz que a linguagem é rebuscada e confusa, nesse ponto perdi totalmente o interesse. O autor ter uma boa escrita para mim é essencial!

    Bjs!

    ResponderExcluir
  19. Muito obrigada pela resenha, Ricardo, acatarei suas sugestões para melhorar a escrita no próximo volume =)

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras