Nos braços do roqueiro - Terri Anne Browning

23/10/2016

Sair em turnê com quatro roqueiros parece um sonho...
Pelo menos é o que as pessoas me dizem. Para mim, esses quatro roqueiros são a minha família. Cuidam de mim desde meus cinco anos de idade, protegendo-me da minha mãe e de seus episódios de fúria quando estava bêbada e drogada. Mesmo depois de famosos, continuaram cuidando de mim. E quando meu monstro de mãe morreu, eles se tornaram meus guardiões.
Há seis anos eu cuido dos quatro homens que são tudo para mim. Tomo conta deles da mesma maneira que sempre cuidaram de mim. Resolvo tudo, até as sujeiras dos bastidores da vida de um roqueiro. Nem sempre é bonito. Às vezes, chega a ser quase repugnante, principalmente quando tenho que me livrar das transas aleatórias. Ugh!
Realmente não me incomoda tomar conta deles. Quero dizer, não é como se estive apaixonada por um deles. Isso seria loucura. Se apaixonar por um roqueiro NÃO é inteligente.
Tudo bem, então não sou inteligente. Eu amo os meus garotos, e um deles, meio que tem meu coração em sua, grande e calejada, mão roqueira. Mas estou lidando bem com a situação. Por anos, fui capaz de manter o meu pequeno segredo.
Mas, não agora. No entanto, preciso enfrentar o que quer que esteja acontecendo comigo. Isso me assusta pra caramba. Eu odeio médicos, mas de repente, estou mais preocupada em descobrir o que tem de errado comigo, do que o que algum médico poderia me fazer.
Depois de receber o resultado dos meus exames, minha vida nunca mais será a mesma novamente...



Você já pensou em sair em turnê com quatro roqueiros maravilhosos? É isso o que a Emmie faz. Acontece que a sua vida não é fácil e desde muito nova ela tem um monte de problemas para lidar. Filha de uma mãe que surta e a espanca cada vez que ela está bêbada ou chapada, Em aprendeu a fugir e se esconder no trailer de Nik na maioria das situações. Mas, desde os cinco anos esses garotos cuidam dela - e sempre prometem para ela que quando a situação financeira de todos mudar, ela não será esquecida.

A banda consegue alcançar a fama e quando o monstro da mãe de Em morre, eles se tornam os guardiões da garota por quem eles sempre procuraram proteger como fosse possível. Já faz seis anos que ela trabalha com eles fazendo com que eles tenham tudo o que desejam. Ela é meio que a faz tudo da banda, a que sempre resolve o que os garotos precisam que seja resolvido - como hotéis, horários e até mandar embora as garotas de uma noite que acham que podem ser mais do que isso no dia seguinte. Acontece que a Emmie aparentemente está doente - e não é um mistério tão grande assim o que ela tem, embora ela seja uma pequena garotinha aos olhos dos roqueiros. Desde sempre ela é apaixonada por Nik, ele sempre foi o motivo para ela aguentar a mãe, ele sempre foi o motivo para todo o resto em sua vida. Mas se apaixonar por um roqueiro não é a melhor das atitudes que ela pode ter, ainda mais um que aparentemente não quer mais do que festa como todos os outros da banda.

"Nik está apaixonado? Eu não acho que possa lidar com isso. Não. Não, eu sei que não posso lidar com isso. Ele pode transar por aí o quanto ele quiser. Pode ter todo o sexo casual, o sexo sem sentido com estranhas aleatórias. Eu sou capaz de lidar com isso... Ok, talvez esteja por um fio tentando lidar com isso.
Mas se Nik está apaixonado, isso vai me destruir. Eu não poderia vê-lo com alguma vagabunda. E saber que seu coração pertencia a ela."

Quando eu comecei a ler o livro, achei que tinha tudo para vir uma ótima história  de amor e superação... O prólogo é cheio de emoção e com toda aquela coisa do Nik cuidar da Emmie quando pequena prometia uma grande história... O tempo passa, a banda se firma e os garotos assumem a Em como responsabilidade deles, ela tem um emprego e eles a protegem. Além disso, ela se tornar a garota deles e eles os garotos dela - isso é uma coisa que poderia ter se perdido, mas ela tem os meninos como irmãos, e para ela, só o Nik era um amor diferente do que dos outros rapazes, isso tudo me empolgou bastante...

Infelizmente a autora deixou a história bem rasa. Ficou sem aprofundamento em nada - e para mim não colou esse lance de transar e achar que era um sonho... Sério, quem é que tem a melhor transa da sua vida e no dia seguinte acredita que é um sonho? E quem é que tem sua primeira noite com o cara que ama e no dia seguinte consegue fingir que nada - absolutamente nada - mudou? Poderia ter ido por um outro caminho, sei lá... E aí quando a Emmie aparece grávida o cara tem um ataque de ciúmes? É uma coisa tão machista que ele aparentemente pense que ela tem que se manter virgem e intocada enquanto coloca para fora da cama dele - e dos outros garotos - todas as transas de apenas uma noite... E depois, ao invés de abrir o jogo já que claramente a Em não acredita que o cara possa estar olhando para ela como algo a mais, ele ainda chama um monte de garotas para a casa só para fazer com que ela assuma que tem ciúmes dele? Ok que a Emmie também não é a mais clara das garotas e acaba fazendo umas cenas bem desnecessárias e isso tudo junto me cansou mesmo em um livro tão curto. (Eu li ele em e-book pelo Kindle onde a numeração muda conforme as configurações do aparelho usado, no meu informa 71 páginas e no Skoob consta como 148 páginas a versão física)

" - Você estava tão doente e lá estava eu, agindo como uma criança petulante porque você não estava caindo em meus braços como eu tinha sonhado.
Lembrar da sua música faz meu coração doer. Eu tinha tentado esquecer que Nik estava apaixonado.
- Eu não fiquei por muito tempo para ouvir sua música. Comecei a vomitar quando percebi que você estava... apaixonado - a última palavra sai sussurrada, e tenho que morder o lábio para evitar que trema.
- Doce, doce Emmie - ele murmura. - Ainda tão cega. Como posso abrir seus olhos, menina? Você precisa que eu soletre?"

Eu sei que falando assim parece que o livro não tem nada de bom, mas a Terri tem alguma coisa em sua narrativa que me fez continuar lendo. O carinho que esses garotos dedicam a Emmie, mesmo quando a própria vida deles não foi fácil é muito lindo de ver. São garotos tentando dar a uma menina que sofreu um lugar bom para se viver, garotos que não se deixaram levar pela forma como foram criados e que não esqueceram as suas origens e nem a deixaram para trás quando a fama e o dinheiro chegaram. O amor que existe entre os quatro com ela, a forma como todos se consideram uma família é linda de ver. E tirando as coisas que o casal faz - que no fundo é até esperado pelo passado de cada um deles, o amor entre eles é fofo e gostoso de acompanhar. Mesmo sem querer a gente torce pelos dois, para que eles sejam menos teimosos um com o outro e se entreguem de uma vez, que curtam o seu momento feliz.

Então, mesmo com uns pontos negativos e achando o livro raso, é uma leitura leve e gostosinha de se fazer. É ótimo para passar o tempo, tem seus momentos fofos, seus momentos quentes e a história fica muito melhor se você não esperar demais dela. É uma história curta, que deixa um gostinho de quero mais e é claro que quero saber o que vira para os outros garotos da banda... Até porque eles chamaram a minha atenção e pelo que li em alguns blogs americanos, a autora foi amadurecendo na escrita e os livros dessa série foram ficando cada vez melhores...

As imagens da postagem foram retiradas do Facebook da Editora Bezz.

Romântica incurável com um toque de Drama Queen. Sonhadora, teimosa e viciada em livros, afinal, se você não pode cair no mundo, viva através dos personagens! Criadora do blog Amores e Livros, ainda acredita que um dia será paga para ler! Facebook / Twitter / Instagram

Que tal conferir também...

24 comentários

  1. Lica, não conhecia o livro e já fiquei muito empolgada.
    Amo roqueiros e quando tem romance então...
    Só achei essa história de sonho meio louca demais e com certeza um ponto negativo, mas leria.

    ResponderExcluir
  2. Achei a história clichê, por mais que a narrativa da autora seja legal, não iria me fazer continuar a leitura.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
  3. uauu, adorei a resenha!! eu tenho vontade de ler esse livro, romance e rock unidos deve ser ótimo, que pena que a narrativa ficou rasa. Mas entendo que as vezes o autor é tão bom que nos envolve, né? rs

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  4. Confesso que não me animei muito de ler esse livro, mesmo com os pontos positivos que você citou, os negativos ainda pesam mais para mim. Quando algo é raso e os personagens não são legais ao meu ver, tem tudo para dar errado, ainda mais em histórias de romance, onde você meio que precisa de apegar aos personagens. Acho que não leria :/

    ResponderExcluir
  5. Oiee Lica ^^
    Eu ainda não conhecia esse livro, mas estava gostando da premissa até você falar os pontos negativos. Eu adoro romances aprofundados, principalmente quando tem drama no meio e os personagens são bem sofridos, sabe? Então saber que a autora não trabalhou bem isso me desanimou. E o ataque de ciúmes do Nik também. Acho que, mesmo parecendo ser um livro bom, eu não o leria :/
    MilkMilks ♥
    Milkshake de Palavras

    ResponderExcluir
  6. Olá
    Eu já conhecia esse livro, mas nunca tinha parado para ler uma resenha dessa obra. Confesso que não sou fã de livros nesse gênero! Mas fiquei bem animado com o que acabei de ver a sua resenha. Esse negócio de quantas páginas os livros tem, é sempre uma confusão rsrs, eu li um livro com 98 páginas e no skook estava marcando 127 kkk. Enfim, adorei o trabalho gráfico da bezz e espero ter a chance de ler a obra! Até mais vê
    Bjks

    ResponderExcluir
  7. Oiiie Lica, tava sumida daqui. Ah vida sempre me fazendo querer largar dos livros. Mas nem morta :P Então, esse livro. Ja tinha ouvido falar muita coisa sobre eles, opiniões bem opostas pra ser sincera, e fico meio que em cima do muro com historias de roqueiros e afins, sei la, para mim parece ser tudo a mesma coisa, e essa resenha confirma a minha ideia. Nao vou mentir, que mesmo sendo tudo a mesma coisa sempre eu gosto de ler esses livros quando leio algo muito denso, então a dica sempre vale! hahahaha

    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Oie!
    Eu ainda não li esse livro, mas não fiquei empolgada para ler.
    Esperava mais dessa trama, achei que seria um romance mais envolvente. Mas já vi que não vou gostar.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  9. OOi! Gostei bastante da premissa do livro!
    Que pena que achou ele superficial, é tão bom quando um livro deixa o raso de lado e é bem profundo e emocionante. Ainda assim me parece mesmo ser uma leitura agradável. Eu arriscaria! haha
    E essa capa! <3 <3

    Beijoos!
    Estante Mineira

    ResponderExcluir
  10. Olá Lica,
    Ainda não conhecia esse livro e confesso que estava ficando bem animada com relação a leitura, mas fui tomando um balde de água fria. Que ruim que a história foi rasa e que a mocinha acha que tudo foi um sonho e que nada mudou, sério? Isso também não cola para mim.
    Acho que vou deixar essa dica passar, pois prevejo uma leitura que não me agradará muito.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  11. Oi, já tinha ouvido falar da história, mas sentir falta de algo novo, algo wur me mostrasse que o livro é diferentes de outros livros que estão perdidos nas livrarias. O que mais me interessou foi o fato de viagem com a banda, cuidado e tal, mas o ponto negativo do livro diz muito sobre a história como um todo. Infelizmente, essa dica deixo passar. Quem sabe numa outra oportunidade. :)

    Http://porredelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Eu sou completamente apaixonada por rock, desde criança é o que mais ouço. Mas nunca pensei em participar de nenhuma turnê não (rs). E o plot não me atraiu em nada, e quando você fala que a leitura é rasa, nossa, aí eu não dou conta...

    ;D
    Nelmaliana Oliveira

    ResponderExcluir
  13. A trama parece interessante, mas deve ser bizarro esses fatos que você citou de achar que sonhou que transou e tal. Oi? Não gosto de coisas sem sentido assim, mesmo sendo ficção, mas mesmo assim quero conferir a obra. Fiquei curiosa. Eu jurava que era nacional, pois só vejo livros nacionais dessa editora. Tomara que lancem rápido os próximos livros.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  14. Olá, não conhecia essa obra e achei o enredo interessante, diferente da maioria das coisas que costumo ler, kkkk

    Abraços

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Eu até achei o enredo interessante, mas me desanimou tanto essas crises de ciúmes que eles se provocam que eu até passei a achar o livro um pouco irritante e totalmente desnecessário. Mas como você falou que a narrativa é fluída e o livro é bem pequeno, acho que vou dar uma chance.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  16. Não conhecia o livro, e quando comecei a ler a sinopse fiquei bem empolgada. Então veio a i início da sua resenha e minha empolgação caiu. Levando em consideração tudo o que você disse, decidi que vou ler. Até porque tem coisas que quero saber, como a doença dela por exemplo. Se bem que tenho minhas suspeitas do que se trata.
    Em todo o caso, baixei minhas expectativas.
    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Oi Lica!!
    Quando eu conheci esse livro eu fiquei completamente alucinada pela leitura até porque eu amo muito livros de roqueiros.
    Essa é a primeira resenha que eu leio desse livro e confesso que apesar de tudo você me desanimou um pouco em relação a leiutra...
    Apensar que histórias assim são excelentes passatempos.

    beijos
    Mayara
    Livros & Tal

    ResponderExcluir
  18. Oi Li!!

    Tudo bem?

    De todas as resenhas que já li desse livro a sua foi a mais sincera, o fato de todo esse clichê ser raso, sem substancia deixando o livro superficial é bem chato. Gostei do fato de você explorar esse lado em sua narrativa, além de ressaltar os lados positivos, como por exemplo o amor e amizade do grupo. Não seria um livro que leria no momento, mas obrigada pela dica. Beijos;;;;

    ResponderExcluir
  19. O enredo tinha me chamado a atenção, e como vc pensei o mesmo e fiquei empolgada, mais saber que a estória n se aprofunda é um pouco frustrante é claro que histórias que possui cada minimo detalhe se torna chata e cansativa, mas essa casal tinha td pra ter um desenvolvimento melhor.

    ResponderExcluir
  20. Oii Lica, tudo bem? É a primeira resenha que leio sobre o livro e gostei muito de conhecê-lo. Achei a premissa um pouco clichê, e provavelmente irei ter problemas com os mesmos pontos que você, mas anotei o título para uma futura leitura, quando estiver no clima para o gênero.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  21. Olá, tudo bom? É a primeira vez que leio sobre esse livro, confesso que no início da resenha eu fiquei super hiper interessada em ler o livro, toda essa história de rock e aparentemente um drama intenso me fascinou, mas conforme sua resenha foi desenvolvendo o meu interesse foi enfraquecendo, porque eu gosto quando a trama se aprofunda mais e mais, mas enfim, amei a honestidade da resenha.
    Beijos.

    EuVocê&oslivros

    ResponderExcluir
  22. Oi ! Não conhecia o livro nem a autora. Até o momento só li um livro envolvendo rockeiros. Eu achei a sinopse bem interessante , mas ao ler o enredo em sua resenha o livro me pareceu meio clichê. Dispenso a dica , mas adorei a sua resenha. Abraços!

    ResponderExcluir
  23. Olá, está uma febre por agora de livros de roqueiros, todo lado que eu olho é um novo KKK, mas ele já não tinha chamado a minha atenção desde a sinopse mas a suas considerações dele infelizmente me deixaram mais desanimada ainda, não gosto de livro que implanta o machismo de jeito nenhum, então acho que não engoliria esse livro

    ResponderExcluir
  24. No início de sua resenha fiquei morrendo de pena da Emmie, contada sofreu na mão da mãe até esse ser do mal partir para sempre. Depois tentou viver o amor e pelo que percebi não será fácil. Além do mais pode estar doente!!??? Parece um drama. Além disso você destacou que a autora não se aprofunda nos pontos que deixariam a história mais sólida. Mas que apesar disso tudo a narrativa fisga o leitor e não o permite parar de ler. Enfim gostei de saber suas impressões. Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras