Sangue na Neve - Jo Nesbo

21/12/2015


Olav tem apenas um talento: matar pessoas a sangue-frio. Não há nada que ele preze mais que ter o poder sobre a vida e a morte. Porém, sua natureza sensível é proporcional às suas habilidades como matador de aluguel. Uma vez tentou roubar bancos, mas não deu certo – ele se sentiu tão culpado que foi visitar uma das vítimas no hospital. Agenciar mulheres para prostituição, idem – Olav se apaixona muito fácil. O assassinato foi tudo que lhe restou.
Ele leva uma vida solitária em Oslo até se ver envolvido em um trabalho importante para um dos mais perigosos chefes do crime organizado na cidade, Daniel Hoffman. Ao aceitá-lo, Olav finalmente conhece a mulher da sua vida, mas logo se depara com dois problemas. O primeiro é que ela é a esposa do chefe. E o segundo é que ele foi contratado para matá-la.


"O que nos faz perceber que vamos morrer? O que acontece no dia em que nos damos conta de que não é apenas uma possibilidade, mas um maldito fato inevitável que a nossa vida chegará ao fim?" (pág. 23)

Eu já tinha ouvido falar do Jo Nesbo e até já tinha ficado interessada em alguns de seus livros já lançados por aqui. Mas, por alguma razão, ainda não tinha lido nada do autor. Então, foi assim que Sangue na Neve entrou na minha lista de desejados. E ao terminar o livro, tenho que dizer que não é por acaso que o autor tem mais de 28 milhões de exemplares vendidos.

Com uma narrativa super interessante de acompanhar, conhecemos Olav - um homem com apenas um talento: matar pessoas. Isso faz com que ele se torne um assassino de aluguel, realizando trabalhos para um dos traficantes de heroína de Oslo. Depois de alguns trabalhos, Daniel Hoffman contrata Olav para mais um serviço: matar sua mulher que está tendo um caso. Acontece que Olav tem uma natureza sensível e, acaba se apaixonando por Corina. Ao invés de matá-la, ele decide salvar sua vida e matar o amante - e é aí que ele acaba virando o alvo.

"Para resumir, coloquemos dessa forma: não sou bom em dirigir devagar, sou muito sentimental, me apaixono fácil demais, perco a cabeça quando me irrito e sou ruim em matemática. Li alguns livros, mas não sei grande coisa, e certamente nada que ninguém ache útil. E estalactites crescem mais rápido do que eu consigo escrever." (pág. 11)

Enquanto vamos acompanhando os dias de Olav, conhecemos aos poucos sua personalidade e seus problemas. Com uma infância conturbada e uma educação precária, Olav até tentou seguir com os estudos apesar da dislexia, mas seu caminho não foi fácil. E, apesar de ser um assassino frio, é impossível não gostar dele. Desde cedo me vi torcendo por ele, e não esperava gostar tanto de um livro tão pequeno.

A edição da Record está ótima, com uma boa diagramação e revisão de texto. Além, claro da capa com um toque a mais. Na imagem não dá para ver, mas a mancha de sangue tem uma textura, assim como as letras e achei isso super interessante.

Sangue na Neve é um livro curto, com apenas 152 páginas que o torna super rápido de ler. Para mim, isso foi uma coisa boa para o primeiro contato com a escrita do autor. Acredito que as histórias não precisam ser longas para serem interessantes e é exatamente isso que Nesbo prova nesse livro. É um livro sem muita enrolação, que me prendeu desde o início e me deixou na maior vontade de ler todos os outros livros do autor.

Criado em 2010, o Amores e Livros é um espaço feito para dividir os nossos amores pelos livros, filmes, séries e alguns outros vícios mais do que saudáveis! Facebook / Twitter / Instagram

Que tal conferir também...

24 comentários

  1. Olá,
    Eu não conhecia esse livro, achei curioso pelo que você falou na resenha e fiquei interessada. O fato de ser bem direto e sem enrolação já ganha pontos comigo! não sei se é porca da foto, mas a capa me pareceu muito estranha, realmente não dá pra ver a textura da mancha de sangue e talvez isso tenha deixado esquisito :(

    ResponderExcluir
  2. Lica eu adorei o tema do livro, engraçado como sempre tentamos entender como uma pessoa pode ser cruel a esse ponto de a morte dos demais trazer prazer e por isso sempre a curiosidade em conhecer mais dessas pessoas, e pelo visto foi muito bem escrito. Esse já orá para minha lista de leituras. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  3. Ainda não li nada do Nesbo, mas quero conferir em breve e acho que será por este livro que já está na minha estante. Tenho um pouco receio de muita crueldade na narrativa, mas vou me arriscar mesmo assim.
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oi
    Conheci a escrita de Nesbo em Boneco de Neve e adorei.
    Quando vi esse livro, me interessei de cara, pois é meu gênero favorito.
    Adorei a premissa e suas observações. Bom saber que tão poucas páginas garantem uma leitura tão boa.
    Gostei e já add na listinha.
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
  5. Adorei saber que o livro é enxuto. Faz tempo que namoro ele, por gostar muito da premissa tratada, mas temia ser um daqueles livros imensos. Gosto quando as coisas acontecem sem enrolação, principalmente nesse gênero, quando são bem escritos então... perfeito! Espero poder ler em breve Sangue na Neve.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  6. Oi!!!
    Tenho alguns livros do autor na minha lista de quero ler, mas ainda não tive a oportunidade de ler. O título do livro é o mesmo que outro que já li mas as histórias são bem diferentes.

    Carla Fernanda

    ResponderExcluir
  7. Oie,
    A capa do livro é...sem comentários para o lado ruim mesm, rs.
    Bom, sua resenha me deixou um pouco curiosa e fiquei tentada a ler, pois é pequeno e sem enrolação e li ontem um assim e amei

    Beijos da Fê
    As Catarina´s

    ResponderExcluir
  8. Oiee ^^
    Ainda não conhecia o autor, mas fiquei curiosa para ler esse livro, apesar de não ser de um gênero que eu curta muito (sou mais romances ♥) e de ter poucas páginas. Fico feliz que você tenha gostado, espero que consiga ler os outros livros do autor :)
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br/2015/12/o-ultimo-dos-canalhas.html

    ResponderExcluir
  9. Fico interessada nos livros do Nesbo só de ver as capas, mas ainda não tive oportunidade de ler nenhum dos livros dele, gostei muito de conhecer esse e sendo tão curtinho dá para pegar ele entre leituras e isso me animou mais a pega-lo

    ResponderExcluir
  10. Oi Lica, eu sempre quis ler algo do autor e agora pela sua resenha eu acredito que irei ler o mais rápido possível. Fiquei muito curiosa e intrigada com esse livro, parece ter o tipo de trama que eu adoro. Ótima resenha!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  11. Oiii!

    Concordo! Um livro não precisa ser muito longo para ser bom, quando um autor é bon ele consegue criar um bom enredo.
    Achei estranho ter dom para matar hahahah, mas gostei da história.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  12. Vou te dizer que não acho que ia gostar do Olav não... só o fato do cara ser um assassino já ia me fazer desgostar, a não ser que ele fosse obrigado a isso, o que não é o caso. Acho que sempre tem uma alternativa, ele poderia ter tentado uma atividade que não fosse criminosa. Realmente as histórias não precisam ser longas para serem interessantes, desde que sejam bem construídas, mas não me pareceu meu tipo de livro.

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
  13. Oi Lica, sua linda, tudo bem
    É difícil um autor conseguir fazer o leitor torcer pelo assassino da sua história, o texto deve deve ser muito bom. Espero que esse amor o regenere, o faça mudar. Esse livro está sendo bem elogiado, não vejo a hora de ler. Gostei muito da sua resenha.
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá, acho que nunca tinha ouvido nada sobre o autor e quando li o nome pensei que fosse da Lisa Gardner que também tem um livro maravilhosos no mesmo estilo. Mas achei engraçado ele ser um matador com um jeito sentimental, porque geralmente estas pessoas não tem muito isso né. E por ser curto é bom já que as cenas não tem tempo de serem monótonas.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  15. Olá, Lica!

    Já ouvi falar no livro, porém ainda não tinha lido nenhuma resenha dele, e como a capa não me chamou a atenção, até hoje não li. Gostei do que você escreveu sobre o livro, aposto que será uma leitura com muita ação, do jeitinho que eu gosto. Adoro livros de suspense/mistério. Já adicionei esse livro na minha listinha. Obrigada pela dica!

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. vi outras resenhas positivas do livro, e estou bem interessada em ler ♥ ♥ eu adorei a sua resenha! :3


    Adorei seu blog e segui :3 Poderia dar uma olhadinha no meu?

    Beijos da Maidy!
    http://www.dearmaidy.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Olá,
    Primeira resenha que estou vendo desse livro e já adicionei a lista de livros que eu quero ler. Amei demais a capa e a sua resenha também. Já estou bem ansiosa para descobrir o que está acontecendo.
    Beijos
    Delírios Literários da Snow

    ResponderExcluir
  18. Eu nunca li nada desse autor. Embora não seja um tipo de livro que eu costume ler com frequência, achei interessante a forma como o autor construiu o personagem, pois não o fez apenas mau, de forma estereotipada. Imagina um bandido que vai ao hospital visitar a vítima! Fiquei muito curiosa para saber o que acontecerá com esse bandido que se torna alvo para poupar a vida da amada.

    ResponderExcluir
  19. Bom saber que em poucas páginas o autor conseguiu desenvolver um enredo envolvente e interessante.
    Já vi esse livro por aí, mas ainda não tinha dado a devida atenção ao enredo.
    Gostei do que li aqui, e vou aceitar essa sugestão de leitura.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  20. Olá Lica, tudo bem??
    Tenho problemas com livros curtos demais... sempre me vejo frustrada porque sempre sinto falta de um desenvolvimento maior... achei o enredo muito interessante... ainda mais porque fala de assassino... mas com um jeito sensível isso me chamou muita atenção, mas não pretendo ler... Xero!

    ResponderExcluir
  21. Olá.
    Tudo bom?
    Não conhecia obra e nem autor e só de saber que o autor não enrolou na história é um ponto super positivo e a vida do personagem principal, achei bem instigante.
    Adorei a resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  22. Confesso que eu já tinha visto a capa deste livro, mas nem tinha lido nada sobre a história. Fui lendo sua resenha e tive que me conter pra não ir correndo pra loja pra ver se conseguia comprar o meu exemplar. Mas anotei aqui para procurar depois. A história me parece muito interessante e fiquei curiosa por este autor.

    Valeu pela dica! =)

    www.pensamentosvalemouro.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Vou ser sincera, nao curto história assim. A capa chama atenção nas realmente, não é o tipo de leitura que eu goste de ler.

    ResponderExcluir
  24. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, dê sua opinião, participe e volte sempre =^.^=

*** Comentários serão respondidos por aqui mesmo, através de comentário.

Acompanhe por E-mail

Facebook

Editoras Parceiras